Área urbana é ampliada em 50% e bairros tem nova nomenclatura

CRUZEIRO DO SUL

Área urbana é ampliada em 50% e bairros tem nova nomenclatura

Alteração permitiu a escritura definitiva e regularização de lotes irregulares em áreas que não eram reconhecidas

Por

Área urbana é ampliada em 50% e bairros tem nova nomenclatura
Vila Zwirtes agora tem a nomenclatura de bairro. Mudança foi reconhecida pelos registros de imóveis. Crédito: Gabriel Santos
Cruzeiro do Sul
Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

O perímetro urbano de Cruzeiro do Sul passou dos 13 quilômetros quadrados (km²) para uma área de 20 km². O projeto encaminhado pelo setor de Planejamento do governo municipal foi aprovado pela câmara de vereadores que também permitiu a alteração nos limites dos bairros. O aumento representa uma ocupação territorial urbana de 50%.

A principal alteração é no bairro São Rafael. Além disso foram criados sete novos bairros que tiveram a nomenclatura alterada, como é o caso do Jardim Europa, Primavera, São Bento, Augusta, 25 de Julho, Boa Esperança e Bom Fim.

Programa em curso

De acordo com o prefeito João Henrique Dullius, o município promove desde 2021 o programa de Regularização Fundiária Urbana (Reurb), que permitiu até então a legalização de mil lotes irregulares em diversos bairros. Isso motivou o Executivo a fazer as alterações no zoneamento e a nova nomenclatura de bairros.

Com a nomenclatura dos bairros antes denominados de “picadas ou vilas”, as novas escrituras terão o nova nomenclatura nos documentos emitidos pelo registro de imóveis. As informações também irão constar em órgãos como o Correio, contas da Corsan, RGE e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Conforme Dullius, o programa de regularização beneficiou principalmente moradores do Passo de Estrelas, Glucostark e Zwirtes, pois muitos imóveis não possuíam registros, apenas contratos de compra e venda, ou locação. “Isso impossibilitava o acesso de financiamentos ou outras linhas de crédito para melhorias habitacionais, alterações de metragem e até mesmo isentava esses lotes irregulares do pagamento do IPTU e outras taxas. A intenção agora foi de regularizar todas as áreas e fazer o processo legal até a regularização.”

Acompanhe
nossas
redes sociais