Anvisa autoriza uso da CoronaVac em crianças de 3 a 5 anos

VACINA

Anvisa autoriza uso da CoronaVac em crianças de 3 a 5 anos

Não há prazo para o início do uso do imunizante

Por

Atualizado quarta-feira,
13 de Julho de 2022 às 19:21

Anvisa autoriza uso da CoronaVac em crianças de 3 a 5 anos
(Foto: DIvulgação/Rovena Rosa/Agência Brasil)
Brasil
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou, no fim da tarde desta quarta-feira, 13, o uso emergencial da vacina CoronaVac em crianças de 3 a 5 anos.

É o primeiro imunizante em utilização no país a receber sinal verde para aplicação na faixa etária. A Pfizer, por exemplo, está disponível apenas para o público a partir de 5 anos. A vacinação contra a Covid em crianças de 5 a 11 anos de idade no Brasil começou no dia 14 de janeiro.

Durante reunião da diretoria colegiada, em Brasília, por unanimidade, a agência seguiu recomendação das áreas técnicas e autorizou a imunização com duas doses da vacina, no intervalo de 28 dias. A aprovação vale somente para crianças que não são imunocomprometidas.

Não há prazo para o início da utilização do imunizante no plano nacional de vacinação. A decisão caberá ao Ministério da Saúde.  Para a diretora Meiruze Souza Freitas, da Anvisa, relatora do pedido, a CoronaVac está aprovada em 56 países pela Organização Mundial da Saúde (OMS), teve cerca de um bilhão de doses aplicadas e tem contribuído para reduzir mortes e hospitalizações.

“Vacinar crianças de 3 a 5 anos contra a covid-19 pode ajudar a evitar que elas fiquem gravemente doentes se contraírem o novo coronavírus”, explicou.

 


Acompanhe nossas redes sociais: WhatsAppInstagram / Facebook