Fuga de Talentos

opinião

Thiago Maurique

Thiago Maurique

Jornalista

Coluna publicada no caderno Negócios em Pauta.

Fuga de Talentos

Por

Atualizado terça-feira,
01 de Maio de 2021 às 15:14

Tudo na Hora 2 - Lateral vertical - Final vertical

As empresas de TI enfrentam grande dificuldade para contratar profissionais qualificados. O setor enfrenta um apagão de mão de obra em nível global, agravado pela “pandemia de home-office”, que trouxe concorrência pesada pelos talentos da região.

Grandes players do centro do país assediam profissionais com ofertas impossíveis de serem cobertas pelas empresas locais. A chance de unir um salário compatível com o mercado de São Paulo com a qualidade de vida do Vale do Taquari é sedutora demais para ser desprezada por qualquer trabalhador.

Diante dessa realidade, as empresas de TI se veem diante da urgência de treinar e formar jovens talentos – de preferência com velocidade e em grande quantidade. É o melhor dos mundos para os profissionais do setor ou mesmo para aqueles que desejam ingressar na área, e um grande desafio para os gestores.

 

Em tempo

Falando em dificuldades com a mão de obra, a recente decisão que impede o trabalho presencial de gestantes trouxe grandes problemas para diferentes setores. Uma das empresas mais tradicionais de Lajeado, a Padaria Suiça teve que reduzir drasticamente atendimento ao público.

Conversei com o diretor, Jorge Dolgener, e ele externou o sentimento de muitos empresários nessa pandemia: a conta ficou nas costas do setor privado. Dolgener já gastou mais de R$ 5 mil em testes com seus funcionários, estabeleceu rígidos protocolos de segurança dentro do estabelecimento. Mesmo assim, a exemplo de muitos, continua sendo prejudicado.

Boa Leitura!

Escola de consórcios em Lajeado

Concessionária Volkswagen, a Motomecânica foi palco de turma do projeto Escola de Consórcios do Grupo Disal. Por três dias, jovens da região receberam treinamento gratuito sobre consórcios, vendas, marketing pessoal, além de outros temas relacionados ao setor, que está em franco crescimento.

Presidente da Associação Brasileira de Revendedores Autorizados Volkswagen (Assobrav), entidade responsável pelo Grupo Disal, César Moura afirma que a Escola de Consórcios representa uma quebra de paradigma para a empresa. “Além de preencher vagas de trabalho, ainda proporciona a oportunidade de qualificação para o primeiro emprego.”

Segundo ele, Lajeado recebeu a segunda turma da Escola no Brasil,. A primeira ocorreu em São Paulo. Todos os participantes receberam certificado. “Temos uma grande expectativa na região, porque conseguimos reunir pessoas com o perfil adequado e nível de graduação mais alto do que a média no país, além do endosso da Motomecânica.”

 

Marcante e Atual

“A área da TI já trabalhava com a perspectiva da revolução tecnológica, mas a pandemia acelerou o processo e transformou essas adaptações em um caminho sem volta. O trabalho remoto é um exemplo. Já existia há muito tempo, mas só foi colocado em prática pela maioria das empresas neste ano.” Alcir Paulo Cantú – CEO da CantuStange, durante o programa Negócios em Pauta do dia 23 de janeiro de 2021

Imec amplia e-commerce

Com cerca de 11 mil clientes cadastrados na região, o Compre On Line do Imec Supermercados está em franca expansão. Nas últimas semanas, o serviço foi ativado em Venâncio Aires, e também passou por reestruturação em Lajeado.

As operações no Vale do Taquari saíram da unidade do bairro Florestal e foram alocadas na Matriz, no Centro de Lajeado. Em Venâncio Aires, a unidade do Imec fica na rua Julio de Castilho, local onde também ocorre as operações do e-commerce. No ar há quase um ano, a plataforma hoje abrange oito cidades do RS.