Antônio Veloso se despede da Coordenação de Turismo de Estrela

Opinião

Deolí Gräff

Deolí Gräff

Jornalista

Coluna sobre sociedade, arte, cultura e expressões comunitárias.

Antônio Veloso se despede da Coordenação de Turismo de Estrela

Por

Vale do Taquari
Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Depois de 47 anos de serviço público na Prefeitura de Estrela, Antônio Cledy Menezes Veloso, vai assinar hoje, o desligamento, para usufruir da aposentadoria. Ele vai completar 70 anos dia 23/06. Casado com Roseli Heller Veloso, é pai de Antônio Augusto e Evelise e tem dois netos. Nasceu no Rio de Janeiro e em 1970 veio residir em Estrela, acompanhando a mãe viúva, em segunda núpcia, com Aloísio Schwertner. Veloso foi adotado como Cidadão Estrelense em 2013, por indicação do então vereador Andreas Hamster. Na vida social, é sócio da Soges e do CTG Estrela do Rio Grande.

Marcas – Veloso ingressou na prefeitura em 01/01/1973 como chefe de gabinete do então prefeito, Gabriel Mallmann. Depois passou pelas secretarias de Administração, de Educação até chegar na Secretaria de Cultura e Turismo (Secultur) onde atuou na Coordenação do Turismo. Entre as suas marcas consta a formatação do roteiro turístico Delícias da Colônia, abrangendo os municípios de Estrela, Colinas e Imigrante.

Participou da fundação da Associação dos Municípios de Turismo do Vale do Taquari (Amturvales). Ele se orgulha muito do resgate histórico da Escadaria da Polar. “Aquele espaço tem um vínculo muito forte com a história de Estrela. Foi lá que existiu o primeiro porto, por onde vieram os imigrantes. E é nas escadarias que estão as duas estátuas que homenageiam a economia do município. Na figura feminina está representado o Comércio e na masculina a Indústria”.

Conquistas – Ele se considera uma pessoa vitoriosa e com uma trajetória de muitas conquistas para Estrela. “Presenciei a construção do Porto Estrela, do Polartur Hotel (Atual Estrela Palace Hotel), acompanhei a trajetória do Festival do Chucrute. Vi nascer o Parque Princesa dos Vales. Estive presente em muitos eventos e conquistas que embasaram o desenvolvimento turístico e econômico do município”, alegra-se.

Mágoa – Entre os muitos projetos conquistados, Veloso lamenta a não concretização da implantação da instituição de ensino superior FEMES – Fundação Estrela da Manhã de Ensino Superior . Na mesma época Lajeado conquistou a APEUAT – Associação Pró-Ensino Superior do Alto Taquari, que depois virou Fates e na atual Universidade Univates. “Que bom que a região está bem servida com a Univates. Hoje Estrela tem a La Sale, mas poderíamos ter também a FEMES atuando em outras áreas”, completou ele.

Guia – Com a aposentadoria, Veloso, não vai se afastar em definitivo das atividades turísticas. Continuará atuando como guia. Formado em Guia de Turismo pela escola do Senac, ele vai dar continuidade ao trabalho de guiar os grupos de turistas que vem para Estrela e região.


Parque do Rio Taquari

O engenheiro Isidoro Fornari Neto, atual Coordenador de Projetos Especiais de Lajeado, considera-se um privilegiado por ter sido o coordenador na implantação do Parque Municipal Professor Theobaldo Dick e atualmente está à frente da implantação do Parque Rio Taquari, também chamado de Parque Beira Rio ou Parque da Orla.


Atores da Univates

Em tempos de quarentena, os atores que integram o Grupo de Teatro da Univates gravaram, em vídeo, a declamação de trechos de poesias de autores famosos. O vídeo está circulando pelas redes sociais e está recebendo muitos comentários elogiosos. Merece aplausos.


35 anos de padre

O padre Rogério Kunrath (65), natural de Forqueta/Arroio do Meio, comemorou domingo, 07/06, 35 anos de ordenação sacerdotal, realizada pelo bispo dom Alberto Etges, na Igreja Matriz de Arroio do Meio.


A morte do pracinha

O pracinha Pedro Rossi, faleceu dia 03/06, aos 99 anos de idade. Ele integrou a Força Expedicionária Brasileira que lutou na 2ª Guerra Mundial entre outubro de 1944 e maio de 1945. Rossi nasceu e sempre morou na cidade de Ilópolis. O militar tinha 24 anos quando compôs as fileiras da FEB.


Live da Alivat

Quinta-feira, 19h30min, a Academia Literária do Vale do Taquari (Alivat) vai promover a 2ª Live nesta pandemia. O tema será sobre a “Literatura em tempos de Coronavirus”. O acesso será livre na página da Academia no Facebook.