Famílias aguardam 27 dias o retorno da energia em Arroio do Meio

ÀS ESCURAS PÓS-CHEIA

Famílias aguardam 27 dias o retorno da energia em Arroio do Meio

A espera prolongada tem gerado uma série de transtornos aos moradores, que ainda enfrentam as consequências das enchentes que atingiram a região

Por

Atualizado segunda-feira,
27 de Maio de 2024 às 16:26

Famílias aguardam 27 dias o retorno da energia em Arroio do Meio
Moradores Alcídio e Arsenia Haas, Marlene Haas Dessoy e Camila Dessoy, Iria Ziem (Foto: Gabriel Santos).
Arroio do Meio
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Cerca de dez famílias na Rua dos Caminhoneiros, no bairro da Barra da Forqueta, aguardam pelo restabelecimento da energia elétrica. São 27 dias de espera. A espera prolongada tem gerado uma série de transtornos aos moradores, que ainda enfrentam as consequências das enchentes que atingiram a região.

Marlene Haas Dessoy e sua filha, Camila Dessoy, relatam que a falta de energia agrava ainda mais a situação difícil do bairro. “Nossa situação não é das melhores. E sem energia fica pior, não conseguimos limpar as casas, tomar banho e nos aquecer do frio. Tá bem difícil”, desabafa Camila, que é estudante e não consegue acompanhar as aulas virtuais.

Nos primeiros dias após a baixa do nível do rio, a solução encontrada pelos moradores foi alugar um gerador. Entretanto, a solução provisória não atende a todas as necessidades.

O que torna a situação ainda mais frustrante para os moradores da rua dos Caminhoneiros é que outras áreas próximas já tiveram a energia restabelecida. A indignação cresce com a aparente falta de respostas concretas por parte da RGE, concessionária responsável pelo fornecimento.

Equipes seguem trabalhando

Em contato com a reportagem, a RGE afirmou que está atuando em todo o Rio Grande do Sul com mais de 6 mil colaboradores, incluindo eletricistas, técnicos e engenheiros. A concessionária, no entanto, não forneceu detalhes específicos sobre os motivos que mantêm a região da Barra da Forqueta sem energia elétrica.

Em nota a concessionária diz ainda que equipes com caminhão seguem trabalhando na reconstrução das redes de energia nestas regiões para restabelecer o fornecimento de energia, sempre respeitando as condições técnicas e de segurança.

Sem informar prazos, a concessionária afirma que a energia será restabelecida na medida em que as redes forem sendo reconstituídas.

Acompanhe
nossas
redes sociais