Governo federal anuncia medida para manutenção dos empregos no RS

PRESIDENTE NO VALE

Governo federal anuncia medida para manutenção dos empregos no RS

Mais de 430 mil trabalhadores serão contemplados com duas parcelas do salário mínimo. MP será assinada durante coletiva nesta tarde, em Arroio do Meio

Por

Atualizado quinta-feira,
06 de Junho de 2024 às 17:34

Governo federal anuncia medida para manutenção dos empregos no RS
Foto: presidência da República
Estado

Em coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira, 6, em Arroio do Meio, o governo federal anunciou novas medidas de apoio ao Rio Grande do Sul após a enchente histórica do começo de maio. Entre elas, o pagamento de um salário mínimo extra a mais de 430 mil pessoas. A Medida Provisória será assinada durante o ato.

Conforme o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, o pagamento será dividido em duas parcelas e contemplam trabalhadores formais do RS que estão na mancha de inundação do RS, e não apenas nos municípios que decretaram calamidade pública ou situação de emergência.

“Isso contempla trabalhadores celetistas, trabalhadoras domésticas, estagiários e também os pescadores. Portanto, pedimos aos empresários e aos entes que façam esforço no sentido de colaborar na manutenção dos empregos”, destaca.

Como contrapartida, as empresas precisam dar pelo menos dois meses de garantia da manutenção dos empregos. Além disso, o governo federal também pedirá a prorrogação dos contratos que estão próximos do vencimento nas convenções coletivas. “A ideia é prorrogar por pelo menos quatro meses, para atender a um pedido dos trabalhadores e trabalhadoras.”

Lula assinou outras duas MPs:

  • Uma viabiliza apoio financeiro a cidades que ainda não haviam sido atendidas. O repasse previsto é de R$ 124 milhões;
  • Outra MP aumenta o número de famílias que receberão o Auxílio Reconstrução (R$ 5,1 mil). A medida beneficia moradores de municípios que não foram contemplados anteriormente.

Acompanhe
nossas
redes sociais