Programação de Páscoa retrata esperança e solidariedade

ESTRELA

Programação de Páscoa retrata esperança e solidariedade

Celebração inicia nesta sexta-feira, 22, com apresentação do padre Alessandro Campos, no Parque Princesa do Vale. No dia 27, espetáculo “Tempo de Esperança” promete emocionar comunidade

Por

Programação de Páscoa retrata esperança e solidariedade
Show com padre Alessandro Campo é atração hoje à noite. (Foto: DIVULGAÇÃO)
Estrela

A programação da “Páscoa da Fé, União e Esperança” inicia nesta sexta-feira, 22, com atrações que buscam mobilizar a comunidade. Entre os eventos, celebração com o padre Alessandro Campos, espetáculo teatral “Tempo de Esperança” e decoração da Osterbaum, árvore alusiva à data na cultura alemã. O valor de troca para ter acesso às apresentações é 1 quilo de alimento não perecível.

O evento com padre Alessandro Campos ocorre a partir das 20h no Parque Princesa do Vale. A apresentação busca retratar a fé e a solidariedade. Coordenadora de Cultura de Estrela, Sandra Ahlert explica que a celebração envolve momentos com mensagens de esperança, além do show musical do artista.

“Vamos ter diversas surpresas durante a noite. Queremos mostrar que este investimento tem um propósito. Vai ser um ato para marcar e emocionar o público. Também vamos ter anúncios positivos para a comunidade”, destaca Sandra. A celebração conta com espaço reservado para cadeirantes e também para as pessoas com mais de 80 anos.

Os grupos de serviços, Lions Clube e Rotary Club de Estrela, são responsáveis pela arrecadação dos alimentos da entrada do Parque Princesa do Vale. Os itens recebidos serão repartidos entre os clubes e destinados às causas sociais de cada um.

Grande espetáculo

Um dos movimentos que promete emocionar a comunidade é o espetáculo “Tempo de Esperança”, dirigido por Pablo Capalonga, no dia 27 de março. Os ingressos são disponibilizados de forma antecipada e podem ser retirados na Casa de Cultura e na recepção da prefeitura. A peça teatral será apresentada no Centro Cultural Celso Brönstrup.

A encenação conta com a participação de atores da comunidade, dos Grupos Folclóricos de Danças Alemãs de Estrela e do Cantantes Grupo Vocal. A peça retrata a chegada dos imigrantes alemães em Estrela e as vivências diante dos conflitos gerados no período de Páscoa.

“No enredo acontece uma tragédia na picada, uma enxurrada que impacta na produção rural. Com a solidariedade das pessoas próximas, é possível resolver essa situação. Vivemos episódios muito duros em relação a isso. Busquei trazer essa narrativa dentro do espetáculo para que as pessoas percebam que o apoio visto na peça ainda existe e é cultural”, afirma Capalonga.

Cerca de 50 pessoas estão envolvidas na produção cultural. Entre elas, Mauro Ferreira, que retorna aos palcos. Habituado a trabalhar na confecção dos itens decorativos do município, desta vez ele se desafia a interpretar um líder religioso. “Está sendo uma experiência diferente e carregada de muita responsabilidade. São muitas pessoas envolvidas e uma superprodução”, relata.

Osterbaum

O pátio do Centro Cultural Celso Brönstrup também será cenário da comemoração. A coordenadora de Cultura destaca o sucesso da Osterbaum e ressalta que neste ano o monumento será decorado pelas crianças da rede municipal de ensino e por participantes do Grupo de Apoio e Convivência do Idoso Estrelense (Gracie).

Acompanhe
nossas
redes sociais