Governo projeta investir quase R$ 3 milhões em recapeamento

política e cidadania

Governo projeta investir quase R$ 3 milhões em recapeamento

Oito ruas foram selecionadas para receber melhorias na pavimentação. Maior parte vai para a recuperação da Bento Rosa, entre os bairros Hidráulica e Carneiros

Por

Governo projeta investir quase R$ 3 milhões em recapeamento
Entre as ruas com mais problemas está a Bento Rosa, entre os bairros Hidráulica e Carneiros. (Foto: MATEUS SOUZA)
Lajeado
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Buracos, asfalto danificado e ondulações. Ruas em diversos pontos da cidade sofrem com problemas de infraestrutura, agravados pelos episódios recentes de chuva e enchentes. Por isso, o governo municipal prepara o recapeamento de oito vias que contemplam três bairros. O investimento será de R$ 2,9 milhões.

A maior parte do recurso será destinado ao recapeamento da Bento Rosa, na divisa entre os bairros Hidráulica e Carneiros. O trecho, a partir da entrada da Associação Atlética, chegou a receber melhorias em 2023, após críticas de usuários e empresários. No entanto, os defeitos no asfalto voltaram a desafiar motoristas.

Conforme o secretário de Obras, Fabiano Bergmann, a ideia é que seja recapeado toda a extensão da rua até as proximidades da Central. Só esta obra deve custar cerca de R$ 1,3 milhão. “É um trecho que está com muitos buracos. Por isso, pedimos urgência à empresa responsável para que os trabalhos comecem o quanto antes”, frisa.

A Construtora Giovanella vai executar o serviço nas oito ruas. Bergmann acredita que, no momento em que os maquinários da empresa estiverem dentro da cidade, a execução tende a ser rápida. “Nos reunimos com eles segunda-feira para tratarmos destas obras”.

Além da Bento Rosa, o governo projeta recapeamento nas ruas 15 de Novembro, Alberto Torres, Borges de Medeiros, Carlos Von Koseritz, Germano Berner, João Abott e João Pessoa. Destas, apenas a última não fica na área central da cidade.

Sucessivos problemas

Não é de hoje que a Bento Rosa apresenta problemas de infraestrutura. Além do desgaste natural, fruto da grande movimentação de veículos no local, as enchentes de setembro e novembro comprometeram a situação.

Um empresário que tem empresa às margens da via lamenta os sucessivos prejuízos enfrentados nos últimos meses. “Vamos sair dali. Não tem mais condições. E as enchentes só pioraram tudo”, lamenta.

Represamento

Também previstas para serem executadas este ano, dez obras de pavimentação comunitária terão seu início adiado. “São trechos que nos pediram bastante. Mas vamos ter que segurar por enquanto, devido a essas chuvaradas. Estamos priorizando esse trabalho de limpeza”.

As ruas contempladas com pavimentação comunitária, segundo Bergmann, estão situadas nos bairros Olarias, Conventos, São Bento, Jardim do Cedro, São Cristóvão, Carneiros e Moinhos d’Água.

Ruas contempladas

  • 15 de Novembro, Centro
  • Alberto Torres, Centro
  • Bento Rosa, Hidráulica/Carneiros
  • Borges de Medeiros, Centro
  • Carlos Von Koseritz, Centro
  • Germano Berner, Centro
  • João Abott, Centro
  • João Pessoa, Hidráulica

INVESTIMENTO TOTAL: R$ 2,9 milhões

Acompanhe
nossas
redes sociais