“Novas escolas acompanham crescimento populacional e econômico de Estrela”

ENTREVISTA | FRENTE E VERSO

“Novas escolas acompanham crescimento populacional e econômico de Estrela”

Conforme o prefeito Elmar Schneider, as obras vão sair do papel e cerca de 25% do dinheiro já está empenhado

Por

Atualizado quinta-feira,
11 de Janeiro de 2024 às 13:00

“Novas escolas acompanham crescimento populacional e econômico de Estrela”
Secretária da Educação de Estrela, Elisângela Mendes e prefeito, Elmar Schneider. (Foto: Pedro Rodrigues)
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

A cidade de Estrela anuncia um marco significativo em sua trajetória educacional com a destinação de quase R$ 23 milhões para a construção de quatro novas escolas. Cerca de 25% dessa verba já está empenhada. O anúncio, realizado no Palácio do Planalto, reflete não apenas um investimento financeiro, mas o compromisso com o crescimento e a prosperidade da comunidade estrelense.

Conforme o prefeito de Estrela, Elmar Schneider, após quase três anos de esforços conjuntos da equipe de engenharia técnica, secretarias e demais setores envolvidos, a cidade comemora não apenas a construção das escolas, mas também a disponibilização de três ônibus para fortalecer o transporte escolar. “Teremos a criação de quase mil novas vagas, antecipando a demanda gerada pelo rápido desenvolvimento e pela crescente chegada de novas famílias”, destaca.

Durante entrevista ao programa Frente e Verso, o gestor municipal e a secretária da Educação, Elisângela Mendes reforçam a importância de investir na educação. De acordo com Elisângela, a seleção dos bairros beneficiados foi cuidadosamente planejada, abrangendo desde áreas com novos loteamentos até regiões com filas de espera.

“O bairro Auxiliadora vai receber uma escola de Educação Infantil; o bairro Boa União, local onde temos fila de espera também vai receber uma escola de Educação Infantil, e o bairro Nova Morada que já existe um conjunto habitacional, mais de 250 famílias residindo naquele espaço, com área adquirida pelo município, recebe uma escola de Ensino Infantil e uma de Ensino Fundamental atendendo todas as crianças e a comunidade onde residem”, esclarece ela.

Schneider destaca os avanços no campo educacional. “Estrela também celebra o cumprimento do piso nacional do magistério, a criação de oportunidades de plano de carreira para monitores, além da oferta de 15 mil refeições diárias”.

Paralelamente, a cidade segue com projetos de infraestrutura, incluindo a substituição de uma ponte de ferro com 72 anos de existência, danificada por enchentes. O cronograma para 2024 inclui algumas obras como, a entrega da nova ponte na Linha São José com o bairro Boa União, a conclusão do ginásio do bairro Boa União após 17 anos de espera, e a pavimentação da avenida Padre José Junges para o bairro União.

Enfatizando a visão de um desenvolvimento abrangente, Schneider sinaliza não apenas os avanços na educação, mas também as obras ao longo da BR-386 e a implantação do 386 business, projetando a criação de uma cidade nova na região, gerando empregos e renda para o Vale do Taquari.

Acompanhe a entrevista na íntegra

 

Acompanhe
nossas
redes sociais