“Nas empresas é perceptível quem trabalha em equipe e quem é individualista”

ENTRE ASPAS

“Nas empresas é perceptível quem trabalha em equipe e quem é individualista”

A CEO Renata Galiotto destaca a importância de ter habilidades para trabalhar em conjunto e compartilhar reconhecimentos

Por

Atualizado terça-feira,
15 de Agosto de 2023 às 15:10

“Nas empresas é perceptível quem trabalha em equipe e quem é individualista”
CEO da Ciamed e comentarista do Entre Aspas, Renata Galiotto . / Foto: Diogo Fedrizzi
Encantado
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

No quadro “Entre Aspas”, do programa Frente e Verso, desta terça-feira, 15, Renata Galiotto comenta sobre gestão de equipe e pessoas, e os impactos que o individualismo podem gerar dentro de empresas. O pronome “eu” em certos momentos pode afastar, ao invés de agregar.

As instituições prosperam com desafios e necessitam de contribuições para crescer. Embora “eu” possa empoderar, seu uso individualista pode ter consequências negativas. O crescimento em equipe é resultado do esforço coletivo, e a virtude altruísta faz diferença entre os membros da empresa.

Renata observa que atualmente é cada vez mais raro ouvir o termo “nós”, especialmente entre os jovens. “Vejo muito que nessa juventude o termo ‘eu’ é muito mais usado, porque acreditam que ‘nós’ não traz poder ou sensação de empoderamento.” afirma a comentarista.

Assista a entrevista na íntegra

Acompanhe
nossas
redes sociais