Prefeito de Progresso decreta situação de emergência em função da estiagem

SECA

Prefeito de Progresso decreta situação de emergência em função da estiagem

Município sofre com as chuvas irregularidades há mais de noventa dias

Por

Prefeito de Progresso decreta situação de emergência em função da estiagem
Crédito: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Progresso
Progresso
Gustavo Adolfo 03

O prefeito de Progresso Paulo Gilberto Schmitt se reuniu hoje com o vice, Luiz Manini, secretários e demais autoridades ligadas a área da agricultura, para definir os parâmetros do Decreto de Situação de Emergência causado pela estiagem que atinge o município. De acordo com a Portaria nº 260, de 02 de fevereiro de 2022, do Ministério do Desenvolvimento Regional, o desastre está classificado como sendo de Nível II.

Entre os motivos está a frustração da safra agrícola de verão, em razão da estiagem ocorrida no município há mais de noventa dias; a diminuição considerável da capacidade de exploração da água, que causou perdas consideráveis nas lavouras e afetou seriamente a produção de leite; escassez de água nas fontes naturais e açudes, fontes estas que abastecem o consumo humano e animal.

O Município disponibilizou todo o aparato disponível para minimizar os efeitos do desastre, bem como para assistência e socorro aos afetados, transportando água para o consumo humano e animal.

O decreto permite que o município amplie os seus incentivos de forma mais rápida e futuramente, também permitirá que o município seja beneficiado através de programas, como por exemplo, a renegociação de dívidas do Programa de Fortalecimento da Agricultura (Pronaf) e  Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro) , que garante a exoneração de obrigações financeiras relativas à operação de crédito rural de custeio, cuja liquidação seja dificultada pela ocorrência de fenômenos naturais.

Acompanhe
nossas
redes sociais