Consumo de carne bovina deve ser o menor em 26 anos

Economia

Consumo de carne bovina deve ser o menor em 26 anos

Na série histórica, a maior proporção foi registrada em 2006, quando havia uma disponibilidade média de 42,8 kg do produto por pessoa

Por

Atualizado terça-feira,
02 de Agosto de 2022 às 08:59

Consumo de carne bovina deve ser o menor em 26 anos
Estimativas estão associadas ao aumento dos preços e mudanças culturais. Crédito: Divulgação
Brasil
Dreams - Lateral vertical - Final vertical

O consumo de carne bovina deve cair ao menor nível nos últimos 26 anos, com 24,8 kg consumidos por cada brasileiro até o fim de 2022, cerca de três a menos que no ano anteror. É o que apontam os dados divulgados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) nesta segunda-feira, 1°. O levantamento é feito desde 1996.

Na série histórica, a maior proporção foi registrada em 2006, quando havia uma disponibilidade média de 42,8 kg do produto por pessoa. A queda tem sido acentuada desde 2013, foram consumidos 38,3 kg. A quantidade do produto é calculada a partir da subtração do volume exportado de carne do que é produzido em todo o território nacional e depois importado.

Entre os principais fatores apontados pela pesquisa, se destacam o aumento do preço dos alimentos, os índices mais superiores da fome e até mesmo as questões ambientais e mudanças culturais, com crescentes adeptos às dietas veganas e vegetarianas.

Exportações em alta

Por outro lado, o balanço da Conab demonstra que as exportações de carne de frango deverão crescer 6%, com 4,7 milhões de toneladas enviadas para diferentes destinos. Trata-se, desta forma, de um novo recorde. A estimativa total de produção de carne bovina, suína ou aves, é de 28 milhões de toneladas neste ano.


Acompanhe nossas redes sociais: WhatsApp Instagram / Facebook