Governo federal institui gabinete itinerante em Encantado

RECONSTRUÇÃO PÓS-ENCHENTE

Governo federal institui gabinete itinerante em Encantado

Ação pretende apoiar setor agropecuário. Perdas no setor primário no município incluem 26 comunidades rurais impactadas e 1.050 hectares de plantações perdidas

Por

Atualizado terça-feira,
04 de Junho de 2024 às 09:03

Governo federal institui gabinete itinerante em Encantado
Foto: divulgação
Encantado
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Para apoiar a reconstrução do setor agropecuário no Rio Grande do Sul, impactado pelo desastre climático recente, o Governo Federal instituiu um gabinete itinerante comandado pelo Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa). O gabinete percorrerá todos os municípios das regiões afetadas, conforme avaliação preliminar das áreas e atividades atingidas.

O gabinete será instalado semanalmente e consecutivamente nas regiões atingidas pelas cheias, começando pelo Alto Vale do Taquari e Vale do Taquari. As atividades tiveram início na tarde de ontem, no Auditório Brasil do Centro Administrativo Municipal Adroaldo Conzatti.

A equipe do gabinete busca dialogar com agricultores e técnicos, especialmente lideranças de organizações e instituições de representação, assessorias, sindicatos, bancos e autoridades públicas locais e regionais relacionadas ao setor agropecuário.

Encantado e a região sofreram impactos significativos com o desastre de maio. As perdas no setor primário no município incluem: 26 comunidades rurais impactadas, 200 km de estradas vicinais danificadas, mais de 100 residências afetadas, 1.050 hectares de plantações perdidas, 100 mil aves, 120 cabeças de gado e 500 suínos perdidos.

A Administração Municipal considera essencial o apoio do Ministério da Agricultura e Pecuária para reconstruir a área rural e ajudar os produtores e o agronegócio local. O prefeito de Encantado, Jonas Calvi, destacou a importância da instalação do Gabinete Itinerante na cidade. “A presença do gabinete aqui em Encantado é crucial para agilizar a recuperação de nossa região. Acreditamos que o diálogo direto com os representantes do Ministério da Agricultura e Pecuária nos ajudará a identificar e buscar atender às necessidades mais urgentes dos nossos agricultores e produtores”, afirmou o prefeito.

Acompanhe
nossas
redes sociais