Presidente da Amturvales detalha estratégias para superar desafios

TURISMO

Presidente da Amturvales detalha estratégias para superar desafios

Charles Rossner destaca importância de linhas de crédito especiais para auxiliar empreendedores

Por

Atualizado segunda-feira,
03 de Junho de 2024 às 15:37

Presidente da Amturvales detalha estratégias para superar desafios
Charles Rossner, presidente da Amturvales (Foto: Rodrigo Gallas).

O presidente da Amturvales compartilhou durante entrevista ao programa Frente e Verso desta segunda-feira, 3, a visão sobre os desafios enfrentados pela região do Vale do Taquari em meio à crise que afeta o setor turístico. Ele ressaltou a importância do turismo para a economia, destacando que muitas agroindústrias dependem do setor como uma fonte adicional de renda. “A falta de grandes players no setor turístico local e a predominância de pequenas pousadas e negócios familiares, que agora enfrentam grandes desafios para se recuperar.”

A situação da ferrovia, concessionada ao grupo Rumo, também preocupa. A falta de posicionamento da empresa em relação aos prejuízos adiciona incerteza ao cenário já desafiador. “Sabemos que o impacto foi muito grande e a temporada de 2024 do Trem dos Vales possivelmente está comprometida.”

Para lidar com esses desafios, a Amturvales está buscando soluções e parcerias. Rossner destacou a importância de linhas de crédito especiais, como o Fundo Geral do Turismo (Fungetur), para auxiliar os empresários do setor turístico a superar essa fase difícil. “Até o momento, os recursos anunciados pelo governo federal ainda não foram liberados para as instituições financeiras, inicialmente, o aporte de R$ 100 milhões.”

Campanha Somos do Vale

Além disso, a Amturvales está lançando a campanha “Somos do Vale”, que visa impulsionar a recuperação do turismo na região. “A iniciativa busca unir o trade turístico local na reconstrução dos negócios e promover os produtos do Vale do Taquari, incentivando as pessoas quando estiverem no supermercado ou fazendo um passeio, consumam os produtos locais. Esse trabalho será feito por meio de influenciadores, inteligência artificial e parceiros como APL, Sebrae e outros.”

Acompanhe a entrevista na íntegra

 

 

Acompanhe
nossas
redes sociais