“Nós queremos e vamos conectar Lajeado a Arroio do Meio”

Ponte de Ferro

“Nós queremos e vamos conectar Lajeado a Arroio do Meio”

Nova ponte de ferro deve retomar ligação entre os dois municípios, em até 30 dias

Por

Atualizado segunda-feira,
27 de Maio de 2024 às 12:13

“Nós queremos e vamos conectar Lajeado a Arroio do Meio”
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

A construção da nova ponte de ferro entre Lajeado e Arroio do Meio já está em andamento e tem um propósito claro: restabelecer a ligação entre os dois municípios em até 30 dias. De acordo com o diretor da Lyall Construtora (empresa responsável pela obra), Roberto Lucchese, para que isso seja possível, as equipes trabalham 24 horas por dia e contam com o apoio dos melhores engenheiros do estado.

A nova estrutura terá o mesmo modelo da histórica Ponte de Ferro. Ou seja, uma única via que permite a passagem de veículos leves, no fluxo e contra fluxo. “Essa ponte é a reconstrução da antiga. A gente vai modernizar o projeto no sentido de materiais”, explica Lucchese.

Diretor da Lyall Construtora, Roberto Lucchese (Foto: Pedro Rodrigues)

A obra está avaliada em R$ 1 milhão e servirá de passagem provisória até a construção da estrutura definitiva, que terá pista dupla e deve ficar pronta em setembro. “Nosso projeto não inviabiliza os demais. São quatro frentes diferentes atuando para restabelecer a conexão dos municípios”, salienta o empresário.

Etapas da execução

O planejamento da obra envolve três frentes de trabalho. Segundo Lucchese, a ponte será fabricada em Estrela, na unidade da Altari Carrocerias, com apoio da Sulmeta e da Universal. “São empresários e técnicos com, pelo menos, 30 anos de experiência em metalúrgica”, destaca.

A estrutura metálica, construída em módulos de 6m x 12m, será transportada até o vão da ERS-130, com apoio logístico do Guinchos Sansão. “Depois vamos ter que montar ‘o lego’, fazer o teste de carga e colocar no local”.

Por fim, uma estrada de pedra será construída dentro do rio para que as equipes consigam acessar as bases, alçar as pontes e reconectar os municípios.

 

Acompanhe
nossas
redes sociais