“Cada fase do sono tem uma importância”, diz psiquiatra

A HORA BOM DIA

“Cada fase do sono tem uma importância”, diz psiquiatra

Médico Olivan Moraes é um dos palestrantes do primeiro Seminário do Sono - Sonovate, que ocorre nesta quinta-feira, 14, em Lajeado

Por

Atualizado quinta-feira,
14 de Março de 2024 às 08:40

“Cada fase do sono tem uma importância”, diz psiquiatra
Médico psiquiatra Dr. Olivan Moraes

Para conscientizar a comunidade sobre a importância do sono e as consequências de uma rotina de noites mal dormidas, o médico psiquiatra Dr. Olivan Moraes é um dos palestrantes do Primeiro Seminário do Sono – Sonovate. O evento ocorre nesta quinta-feira, 14, a partir das 18h, no Auditório do Edifício Diamond Tower, na Avenida Benjamin Constant, 980, no 2ª andar.

O encontro é baseado no viés científico, em especial, para profissionais da saúde e estudantes. De forma gratuita, o encontro é aberto a toda a comunidade e integra uma série de ações a nível nacional da Semana do Sono.

Em entrevista ao A Hora Bom Dia, da rádio A Hora 102.9, Dr. Olivan Moraes destaca que a temática é levada à sério no meio profissional e os médicos têm se preocupado com a qualidade do sono e privação do sono como uma questão de redução da saúde global.

Ele afirma que, em alguns casos, a dificuldade para dormir pode estar relacionada a doenças como a insônia, mas a privação do sono também pode estar relacionada a doenças neurológicas.

Moraes ainda diz que o sono é diferente para cada fase da vida e, à medida que uma pessoa envelhece, ela tende a precisar de menos horas para descansar. De todo modo, o ideal é de 6h a 8h.

Entre os fatores que interferem no tempo e qualidade do sono está a internet. Uma rotina é importante, assim como alimentação saudável, a procura por exercícios nas primeiras horas do dia e a redução de estímulos dentro de casa a partir do entardecer.

“Quando falamos de tempo de sono, além de dormir no horário adequado, o número de horas também é essencial pelas fases. Cada fase tem uma importância”.

Confira a entrevista na íntegra:

 

Acompanhe
nossas
redes sociais