Por meio de parceria com empresas, programa insere jovens no mercado

LAJEADO

Por meio de parceria com empresas, programa insere jovens no mercado

Entre as iniciativas que buscam rendas aos adolescentes, está o Cada Jovem Conta, do Pacto pela Paz

Por

Por meio de parceria com empresas, programa insere jovens no mercado
Iniciativas buscam inserir o jovem no mercado de trabalho de forma saudável e com acompanhamento (Foto: Bibiana Faleiro)

Inserir o jovem no mercado de trabalho ainda é um desafio. A falta de experiência ou informação na hora de procurar um emprego são alguns dos obstáculos. Em Lajeado, uma iniciativa busca mudar essa realidade, por meio do programa Cada Jovem Conta, do Pacto Lajeado pela Paz.

O projeto une parceiros para oferecer possibilidade de renda para contribuir com as despesas familiares. O Cada Jovem Conta também atua em outras áreas e acompanha de perto a vida de jovens e suas famílias em bairros periféricos da cidade.

Entre os parceiros, está o Grupo Imec. “Esses jovens vão aprendendo, vão se desenvolvendo pelos programas que a instituição está oferecendo. Eles têm assistentes sociais, psicólogos, que também fazem todo esse olhar para além de só inserir no mercado de trabalho”, destaca a coordenadora do Pacto, Tânia Rodrigues.

Outro ponto levantado pela equipe é sobre a inserção de pessoas egressas do sistema prisional no mercado, para que as empresas possam buscar informações com os diretores dos presídios e do Programa Nova História.

Diretora de Pessoas e Cultura do Grupo Imec, Tita Pontes destaca o papel econômico das empresas nos locais em que atuam, mas afirma que o impacto social que elas podem causar é ainda maior.

Um dos valores do Grupo Imec está na integração com a comunidade e poder desenvolver os jovens está conectado a isso. “Temos a certeza de que a contribuição e incentivo para eles buscarem seu crescimento pessoal e profissional trará um resultado extremamente positivo para o desenvolvimento da sociedade como um todo”, destaca Tita.

25 empregos

Outra parceria é com o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). Os jovens participam frequentemente dos processos seletivos oferecidos pela instituição, e, em 2023, 25 deles foram inseridos no mercado de trabalho.

A ligação entre o Pacto e o CIEE é feita por meio do Programa Banco de Oportunidades, e foi firmada em novembro de 2022. A parceria tem a proposta de oferecer inclusão social, possibilitando o fortalecimento e a superação das situações de vulnerabilidade e risco social, em especial para jovens atendidos pelo Cada Jovem Conta.

“O CIEE se identificou e optou por aderir a essa proposta, com o objetivo de oportunizar iniciativas socioassistenciais e socioeducativas que promovam a qualificação e a inserção de adolescentes no mundo do trabalho, de forma continuada, permanente e planejada”, destaca a gerente da unidade operacional de Lajeado, Kátia Bohmer.

Dentro da iniciativa, a instituição visitou as escolas para trabalhar noções básicas do mercado de trabalho. “Percebemos o quanto ações conjuntas, CIEE e empresa parceira, impactam na vida dos jovens quando nos deparamos com histórias em que conseguimos mudar a realidade, proporcionando o protagonismo, autonomia e superação da vulnerabilidade social deles”, diz Kátia.

De acordo com a assistente social Neli Weiss Krüger, todos os encaminhamentos ao mercado de trabalho são acompanhados pela equipe pedagógica. “Podemos destacar alguns casos que deram certo. Um deles é de um jovem que conseguiu se destacar tanto na oportunidade recebida, que próximo à conclusão do seu contrato como aprendiz, já recebeu o convite para seguir de forma efetiva na empresa”, ressalta Neli.

Melhorias constantes

Com o objetivo de aperfeiçoar o trabalho do Pacto, um grupo de estudos do Cada Jovem Conta foi implantado. “Surgiu a necessidade de repensar algumas das propostas e intervenções feitas e que já vinham sendo reavaliadas pelos integrantes da rede como passíveis de novas abordagens”, destaca Patrícia Schneider, que integra a coordenação do programa.

O grupo também busca manter os profissionais da rede conectados. Os encontros são quinzenais e abordam temas como a revisão do Manual do Cada Jovem Conta, que terá mudanças no formato, transformando-se em um guia.

Outro assunto debatido nas reuniões foi referente à Lei Geral de Proteção de Dados, trazendo um olhar sensível e seguro para a proteção das informações dos jovens e familiares.

“O grupo estende um olhar delicado e muito importante para a forma como o programa acontece, sugerindo modificações que o aproximam mais da realidade e necessidades encontradas no município”, diz Patrícia.

Neste ano, uma novidade é a implantação do programa “Família na roda” dentro do projeto. “O objetivo é dialogar com as famílias, a chamada educação parental, levar a paz, ensinar como se relacionar dentro do ambiente familiar, levar isso para outros locais e evitar conflitos, proporcionando um ambiente agradável de se conviver”, descreve a coordenadora do Pacto, Tânia Rodrigues. Além disso, o projeto inicia trabalhos dentro das empresas privadas, oferecendo treinamentos com os colaboradores.

Parceria entre CIEE e o Pacto em 2023

  • 26 visitas nas escolas conveniadas com o Programa Cada Jovem Conta;
  • 30 jovens/alunos cadastrados no Programa de Aprendizagem;
  • 25 jovens encaminhados para o mercado de trabalho;
  • 5 jovens continuam atuando como Aprendiz;
  • 2 cases de sucesso = jovens contratados pela empresa.

Acompanhe
nossas
redes sociais