Perto de voltar à câmara, Blau mira  presidência em 2024

LAJEADO

Perto de voltar à câmara, Blau mira presidência em 2024

Suplente de vereador do MDB vai ficar com a cadeira que era do PSB, após cassação do mandato de Adriano Rosa. Defesa da sede própria ao Legislativo também entrará na pauta

Por

Perto de voltar à câmara, Blau mira  presidência em 2024
Suplente do MDB, Waldir Blau (Foto: Rodrigo Gallas)
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Um velho conhecido está prestes a retornar ao plenário da câmara de vereadores. Atualmente suplente da bancada do MDB, Waldir Blau aguarda convocação para tomar posse ao seu sexto mandato como titular, após a cassação de Adriano Rosa (PSB). E, antes mesmo de iniciar as atividades, já faz projeções, como a de buscar a presidência da casa pela quarta vez.

Blau foi entrevistado na manhã de ontem, 6, no programa Frente e Verso, na Rádio A Hora 102,9. Até hoje, é o político que mais vezes presidiu o Legislativo local, em 2003, 2006 e 2017. “Sempre com as contas aprovadas”, enaltece. Antecipa, também, que se voltar ao comando da câmara, defenderá a construção da sede própria.Esta foi uma das principais bandeiras de Blau na sua gestão mais recente.

Ele também tentou a compra de um imóvel para sediar as atividades do Legislativo. Porém, as propostas não avançaram. Ele reconhece que faltou maior diálogo naquele momento, sobretudo com as entidades.
“Não tive êxito. Mas seguimos pagando aluguel e estamos mal instalados. Entendo que devemos ter uma casa própria. Cometi alguns erros, admito. Mas estou maduro para isso agora. Diversos municípios vizinhos contam com uma sede própria da câmara”, salienta.

Perfil combativo

Durante os cinco mandatos na câmara, Blau sempre se caracterizou por um estilo mais combativo, mesmo quando não estava na oposição aos governos. Para agora, promete cobrar soluções principalmente na área da saúde, a qual entende ser o ponto negativo da atual administração.
“Lajeado é município rico, com empresas fortes e muito dinheiro em caixa. Entendemos que poderia haver uma atenção maior na saúde. Há situações na UPA que não podemos aceitar, quando uma criança espera seis horas por atendimento. Dá para melhorar muito nesse sentido”, observa.
Outra demanda no radar de Blau é a construção do ginásio do Clube Esportivo Olarias, obra que nunca saiu do papel após uma permuta com o município para viabilizar a construção da sede do IFSul. “Não podemos aceitar que a comunidade até hoje não tenha esse espaço pronto”.

Acompanhe
nossas
redes sociais