Equipes participam de simulações para combate a incêndio e resgate

TEUTÔNIA

Equipes participam de simulações para combate a incêndio e resgate

Atividades foram orientadas por profissional europeu e envolvem grupos da Docile e da Florestal Alimentos

Por

Equipes participam de simulações para combate a incêndio e resgate
Grupo recebeu orientações e participou de atividades práticas em maio ao calor e à fumaça. Crédito: Divulgação
Teutônia

A Associação Gaúcha de Resgate, Salvamento e Combate a Incêndio Voluntário de Teutônia (Asgresci) promove, em parceria com a ViaSeg, um treinamento de segurança para as Brigadas de Emergência da Florestal Alimentos e da Docile. A primeira atividade ocorreu ontem, 17, na sede da Asgresci, em Teutônia. Outra equipe participa hoje.

A associação é voluntária e foi criada pelo aposentado do Corpo de Bombeiros, Neimar dos Santos, de 53 anos. Santos conta que um grupo de nove pessoas da Asgresci foi para Portugal em maio deste ano, onde participou de um curso de salvamento. Além disso, o grupo conheceu diversas entidades de Corpos de Bombeiros em Portugal e na Espanha.

Agora, a entidade traz para a região o coordenador da Escola Portuguesa de Salvamento, Francisco Rocha, de 43 anos. Militar, com formação no Corpo de Bombeiros, Rocha instruirá as equipes da Florestal e da Docile. “Primeiro, apresentarei a teoria e depois partiremos para a prática”, explica. Na ocasião, as equipes enfrentarão simulações de confinamento, com fumaça e calor. “A ideia é testar na prática os protocolos de salvamento”, destaca.

Engenheiro de Segurança da Florestal Alimentos, Roberto Rother participou das simulações junto de outras 22 pessoas na tarde de quinta-feira, 17. Para ele, a atividade foi muito próxima da realidade e desafiou a equipe a colocar em prática os procedimentos. “Nunca tinha participado de um resgate em espaços confinados nestas proporções, envolvendo fumaça, escuridão, calor e barulho. Foi muito legal ter essa experiência e aprimorar as técnicas junto de nossa equipe de brigadistas, ainda mais com um profissional internacional como o Frederico”, conta.

Sobre a Asgresci

A associação foi criada em 2020 e está em tratativas para a construção de uma sede própria. Conforme Neimar dos Santos, a entidade receberá uma área em Cruzeiro do Sul para o espaço e a previsão é iniciar as obras ainda em 2023.

Acompanhe
nossas
redes sociais