A Mãe Gestora

Opinião

Albano Mayer

Albano Mayer

Consultor executivo e articulador do Pro_Move Lajeado

Assuntos e temas do cotidiano

A Mãe Gestora

Por

Atualizado sábado,
07 de Maio de 2022 às 19:35

Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Acompanho há muitos anos a inserção da mulher no mercado de trabalho. Me dei conta, em determinado momento, que eu adoro trabalhar com mulheres, suas competências, destreza, determinação, cuidado, acuracidade, são tantos elogios que encheriam este espaço! Sou fã dessas vencedoras!

Preciso confidenciar, principalmente no dia em que publico meu artigo, quem foi a minha grande inspiração de trabalho, a minha MÃE!

Minha mãe foi professora, o que me levou desde cedo a querer ensinar. A delicadeza e cuidado que ela falava em compartilhar seus conhecimentos, me inspirou a dar aulas e treinamentos.

Minha mãe foi uma executiva, quando este termo ainda nem existia. Naquela época chamavam de “chefia”.

Minha mãe trabalhava em uma empresa, coordenava uma equipe de mais de 10 pessoas e desde muito cedo me contava sobre as responsabilidades da liderança, fato que me levou a seguir seus passos.

Minha mãe é uma grande gestora familiar, cuida da casa, das finanças, da alimentação, da educação, do nosso lar e tudo que cerca ela. Me ensinou que a gestão familiar é base para estabilidade no trabalho, preciso sempre fazer bem as contas, ter sempre uma reserva de segurança, certamente ela é uma gestora financeira cuidadosa.

Minha mãe, com seu cuidado e constante preocupação com os outros, me ensinou a nunca esquecer das pessoas que me cercam, cuidar bem dos profissionais e amigos que vamos conquistando ao longo da nossa caminhada pessoal e profissional, sempre ressaltou que o meu sucesso requer muito comprometimento, empenho e trabalho. Uma gestora de RH nata ou mesmo uma coaching (vou ter que explicar isso pra ela)!

Minha mãe me ensinou que é importante ter determinação, metas claras, buscar caminhos diferentes, mas sempre focado em um objetivo maior. Me ensinou a olhar para o lado e entender o cenário que estou vivendo, aceitar que temos limitações e não me distanciar do meu propósito. Com certeza, foi ela que me deu a primeira aula de estratégia.

Hoje, olhando novamente para o mercado de trabalho, me orgulho muito das amigas que fui conquistando, apoiando e sendo apoiado, muitas mães, algumas não da maneira convencional, mas com a responsabilidade e o carinho materno.

Minhas felicitações a todas as mulheres, que nos inspiram diariamente com a sua determinação, multifuncionalidade e um mega coração!

Meu agradecimento especial às três mães da minha vida: a minha querida mãe, minha querida madrinha e, claro, a mãe da Manu!


Acompanhe nossas redes sociais: WhatsApp Instagram / Facebook.

Acompanhe
nossas
redes sociais