“A sensação de correr é maravilhosa”

ABRE ASPAS

“A sensação de correr é maravilhosa”

Integrante da Santiago Running e moradora de Bom Retiro do Sul, Lígia Catarina Pedroso dos Santos, 72, se destaca nas provas de corrida no Vale pelo bom humor que encara as corridas.

Por

“A sensação de correr é maravilhosa”
(Foto: Ezequiel Neitzke)
Vale do Taquari
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Quando e por que começou a praticar corridas?
Consciente dos diversos benefícios que a atividade física nos proporciona, sempre pratiquei caminhada, porém quando minha filha Rosilene Jasper ingressou na equipe Santiago Running, de Bom Retiro do Sul, me incentivou a fazer o mesmo. Após alguns treinos, meus familiares e o coordenador Juliano Santiago disseram que tinha condições de correr. Como tinha curiosidade de sentir essa sensação de correr, disputei a primeira prova em 2018 e desde então não parei mais.

Como foi a experiência nessa primeira prova?
A experiência foi muito boa. Apesar de estar bastante apreensiva, completei a prova de três quilômetros, obtendo um resultado satisfatório e subindo ao pódio.

Qual é a sensação de correr?
A sensação de correr é maravilhosa. Fico focada somente em atingir meu objetivo, ou seja realizar minha prova da melhor maneira possível, dando meu máximo, mantendo disciplina e otimismo. Correr para mim serve para desopilar a mente. Nos dias que não corro, meu corpo e mente sentem falta, é como se o dia não foi bem aproveitado.

Qual foi o maior desafio?
Em 2020 com o início da pandemia e as incertezas que o período nos trouxe, principalmente com o isolamento social, suspendi minhas atividades físicas e por vários meses estive insegura para retornar. Em meados do ano passado, em virtude da minha saúde mental, retornei as atividades com minha filha. Quanto a competições meu maior desafio foi quando completei uma prova de seis quilômetros, em um trajeto de chão batido e com elevações. Apesar das dificuldades fui muito bem.

Tem algum desafio que pretende encarar no futuro?
Sim, inclusive já estou inscrita junto com a minha equipe. Vou participar da Maratona do Vinho, em Bento Gonçalves, em fevereiro. Sou uma das integrantes do octeto.

O que te motiva a sair de casa e participar de provas de corrida?
Muitos são os motivos. Entre eles, buscar melhor qualidade de vida, estar inserida em um grupo de atitudes relevantes que visam os mesmos objetivos, onde prevalessem amizade, solidariedade, alegria, entre outros.

Como a corrida e caminhada ajudam no teu dia a dia?
Eles tornaram o meu dia a dia uma verdadeira terapia. O horário que mais gosto de correr e caminhar é pela manhã. Saio de casa geralmente pelas 6h. Apesar de me considerar uma pessoa saudável e bem humorada, consigo refletir melhor, ver o mundo e as situações do dia a dia com mais positividade.

Se tivesse que convencer uma pessoa a começar a praticar o esporte, o que argumentaria?
Argumentaria que esporte é saúde e qualidade de vida. Um agente muito poderoso, pois pode modificar diversos hábitos. Acredito que a escolha da modalidade esportiva é muito pessoal, o importante é que cada um se identifique e sinta satisfação em fazer.

Acompanhe
nossas
redes sociais