“Precisamos criar um mecanismo para que a sociedade não arque com os custos da criminalidade”

ENTREVISTA

“Precisamos criar um mecanismo para que a sociedade não arque com os custos da criminalidade”

Deputado estadual, Marcus Vinícius de Almeida, detalha projeto que prevê que presos paguem pela própria tornozeleira eletrônica

Por

“Precisamos criar um mecanismo para que a sociedade não arque com os custos da criminalidade”
(Foto: Assembleia Legislativa/Divulgação)
Lajeado
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Na manhã desta sexta-feira (15), em entrevista ao programa A Hora Bom Dia da Rádio A Hora 102.9, o deputado estadual, Marcus Vinícius de Almeida, falou sobre o projeto de lei que prevê o pagamento do uso de tornozeleira eletrônica pelos presos do Rio Grande do Sul.

Ele afirma que a ação já está em vigência em oito estados do Brasil e o projeto respeita as garantias individuais dos cidadãos. “Em nenhum momento feriremos a Constituição Federal.”

Almeida explica que o projeto visa a cobrança dos presos que podem pagar pela própria defesa, e não dos que estão usufruindo do direito de justiça gratuita. “Falamos dos presos que tem condições de pagar pela própria defesa e defendemos que nesse caso os cidadãos precisam ajudar”, esclarece.

Ouça a entrevista na íntegra:

Acompanhe
nossas
redes sociais