Congregação luterana comemora 100 anos

Forquetinha

Congregação luterana comemora 100 anos

Culto especial de confraternização ocorre no domingo, no pavilhão da CEL Concórdia

Por

Congregação luterana comemora 100 anos
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Integrantes da Congregação Luterana Concórdia de Forquetinha comemoram, neste domingo, 28, os cem anos de atividades no município. A programação inicia às 9h15min, com um culto, que terá a participação do pastor de Conventos, em Lajeado, e conselheiro distrital, Edelberto Stachovski, além de apresentações do grupo musical Jagnow Brothers Trio.

Entre as atrações, estará a apresentação de fotos históricas ligadas à congregação. Nos registros, muitos feitos durante a década de 1950, estão momentos importantes da vida religiosa e parte da história do local. Em algumas delas, estão imagens consideradas raras, como de Rinhold Ferdinand Güths, primeiro pastor a atuar no local, ou dos primeiros grupos de mulheres e corais.

Segundo o pastor Elmer Jagnow, a congregação é formada por cerca de 360 fiéis. Ele evita estimar quantos devem participar da programação, mas salienta a importância da confraternização. Um dos atrativos do evento, afirma, será a realização de uma gincana, durante a programação.

De acordo com o pastor, a exposição das imagens históricas, cedidas por familiares e fiéis do local, deve gerar reflexão dos participantes.“É uma inspiração para vencer os novos desafios. Antigamente, os maiores deles eram físicos. Hoje, é preciso chegar nas pessoas com o conhecimento.”

Ele ressalta a importância do reconhecimento aos pioneiros do local. Até a segunda metade da década de 50, o deslocamento do pastor era com cavalo. O pastor Rodolpho Warth, atuante em Conventos entre 1957 e 1963, inovou e passou a fazer o trecho entre Lajeado e Forquetinha com uma moto.

[bloco 1]

História remontada

Para a festividade, Jagnow buscou detalhes sobre a história local. Segundo ele, muitos dos registros se perderam com o passar dos anos. A limitação técnica da época também reduziu a durabilidade dos materiais. De acordo com ele, a falta de documentos dificulta o entendimento de partes do histórico. Uma das principais lacunas é quanto aos primeiros anos da congregação

Antes da criação dela, um grupo maior abrangia fiéis do município e da atual área de Conventos. Essa organização se filiou ao Sínodo Riograndense e era atendido por pastores do atual bairro lajeadense. A criação da congregação de Forquetinha, afirma, surgiu de um desentendimento durante a comemoração do cinquentenário da Evangelische

Gemeinde zu Conventos.

Apesar da separação, os grupos continuaram mantendo contato e compartilharam o mesmo templo até 1933. O primeiro pastor residente no município foi Arthur Krüger. No mesmo ano, foi inaugurado o templo atual da Congregação Concórdia. Ela se tornou paróquia em 1974.

Acompanhe
nossas
redes sociais