Comunidade receberá 16,5 mil mudas de flor

Notícia

Comunidade receberá 16,5 mil mudas de flor

Por

Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Na próxima semana, a ad­ministração municipal iniciará a distribuição de 16,5 mil mudas de flor para a comunidade. A iniciativa de­senvolverá o interesse de moradores pelo cultivo do símbolo do municí­pio. Outras 5,5 mil mudas serão plantadas pela Secretaria de Obras em locais públicos.

Conforme o secretário interino da Agricultura, Eduardo Weiss, tal ini­ciativa pretende embelezar a cidade para a primeira feira das flores, a Santa Flor, que ocorre em setembro.

florSerão três variedades da planta: gravina, amor perfeito e boca-de-leão. Famílias ao longo da ERS-413 e da Av. 28 de Maio, que optaram por receber as plantas, ganharão cinco mil mudas. “Queremos que o acesso principal esteja colorido para a feira.”

No interior, 14 entidades ficaram responsáveis em distribuir para a comunidade cerca de três mil mu­das. As três escolas municipais tam­bém receberão flores, mil cada.

No centro, a Escola Estadual de Ensino Médio Santa Clara (EEEMSC) ganhará 300 mudas.

Conforme o secretário da Edu­cação, Cultura e Desporto, Gilmar Hermes, a distribuição de flores nas escolas está engajada no Projeto Educacional Santa Flor, que aprimo­ra o processo de aprendizagem in­tegrado aos programas do governo municipal.

Hermes lembra que em 2010 foi lançado o Projeto Fitoterapia – pe­quenas ideias grandes negócios. Nele, as escolas criaram pequenas agroindústrias no ramo de sabone­tes, balas, barras de cereais e outros produtos derivados de flores. “Pro­pomos uma reeducação baseada na cultura da flor, no bem-estar e no desenvolvimento econômico, políti­co e social.”

Ele destaca que o projeto aprimo­ra o conhecimento além das salas de aulas, envolvendo a comunidade no embelezamento do município e na opção de novas culturas, auxi­liando na descoberta de novas po­tencialidades.

Escola prepara canteiros

A ação coordenada pelo pro­fessor de Ciências da 5ª série do Ensino Fundamental, Claudir Bald, preparou canteiros de flor em frente à escola estadual na manhã de ontem.

Para Bald, é importante que os alunos aprendam na prática a preservar o solo. “Queremos que esta atividade seja seguida no futuro em suas casas.” Ele ressalta que se os estudantes não praticarem, dificilmente seguirão a atividade mais tarde.

Na próxima semana, a escola receberá 300 mudas de flor e fará o plantio nos canteiros.

Conforme o diretor da esco­la, Sergio Campos, está previsto para o próximo ano a construção do letreiro formado com flores em frente ao prédio escolar.