Lojas fecham e mercados atendem nos feriados

Notícia

Lojas fecham e mercados atendem nos feriados

Por

Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Na semana passada, a convenção coletiva do Sindicato dos Funcionários do Comércio (SEC) decidiu pela realização de expediente nos mercados na quinta-feira (feriado de Tiradentes) e na Sexta-Feira Santa. Os empreendimentos do ramo lojista estarão fechados nestes dias. No domingo, não haverá atendimento em ambos os setores.

No evento, em Santa Cruz do Sul, foram votados o calendário de trabalho nos mercados até o dia 28 de fevereiro de 2011, as comissões relativas aos dias de atendimento em feriados, o novo piso regional e a restituição de perdas relativas à inflação.

De acordo com o novo presidente da SEC, Marco Daniel Rockenbach, na região são cerca de dois mil funcionários em uma média de 250 empresas desse ramo que abrange as farmácias e ópticas. A partir deste mês, o piso do setor sobe de R$ 588 para R$ 640. “O aumento se refere às taxas de inflação e um ganho real de 1,5%.”

comercioSegundo Rockenbach, na quinta e sexta-feira, os proprietários de mercados poderão decidir se atenderão. Para tanto, devem oferecer uma forma de compensação para os empregados. Ou pagam R$ 35 e oferecem um dia livre na próxima semana ou R$ 49, sem a folga. Para os dois casos, a gratificação independe do tempo trabalhado.

As outras datas de feriado obrigatório, sob pena de multa aplicada pelo Ministério do Trabalho, definidas pela convenção coletiva são: 1º de maio, 25 de dezembro, 1º de janeiro.

De acordo com a diretora executiva da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Lajeado, Soraide Gräff, as lojas do Vale do Taquari não funcionarão na quinta e sexta-feira. No sábado, o atendimento será normal e no domingo não há expediente.

Segundo ela, a Páscoa “tardia em relação aos outros anos” será boa para as lojas de cestas de chocolates e presentes. “O vestuário começa em breve a ganhar destaque e registrar vendas muito expressivas.”

O diretor do Conselho de Relações do Trabalho do Sindilojas, Sílvio Fröhlich, diz que o horário de funcionamento das lojas não é definido pelas entidades representativas, mas sim pelos proprietários. Segundo ele, por uma convenção o fechamento ocorre às 17h. Mas, não se trata de uma lei, e a decisão cabe ao proprietário.

Lojas

Fecham na quinta e sexta-feira, reabrem no sábado e fecham no domingo

Mercados de todos os portes

Abrem na quinta, sexta-feira e sábado e fecham no domingo