Funcionalismo ganha aumento de 10,95%

Notícia

Funcionalismo ganha aumento de 10,95%

Por

Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Os vereadores aprovaram o aumento de R$ 10,95% nos vencimentos de todos os 407 funcionários públicos do município, incluindo a câmara.

O percentual representa o saldo das perdas inflacionárias no período de abril de 2010 a março de 2011, baseadas no Índice Geral de Preços de Mercado (IGPM), que chegou a 10,95% no último ano.

camaraSegundo a agente administrativa, Adriane Ravazio de Jeseus, a revisão geral anual do funcionalismo público ocorre sempre em abril. Em 2010, a inflação foi de 3,06% (IGPM) e a administração municipal concedeu um aumento de 1,94%, totalizando 5%.

Hoje, a folha de pagamento do funcionalismo representa 39,93% no orçamento do município. O limite máximo permitido é de 54%.

A previsão é de que o orçamento geral do município aumente 8,51% este ano, gerando uma receita de R$ 29,3 milhões. Dessa forma permite o reajuste concedido aos salários, vencimentos e subsídios dos funcionários públicos, sobre percentuais dependentes da inflação do IGPM.

Número de funcionários diminuiu

Desde 2009, a administração municipal diminuiu 38 funcionários públicos. O prefeito Paulo Costi diz que a diminuição é resultado da redução do número de cargos de confiança, ocorrida em setembro de 2009, devido às dificuldades financeiras enfrentadas.

A economia destes vencimentos, segundo Costi, possibilitou vários investimentos, principalmente, no setor da saúde, passando de 15% para 22%.

Sobre a quantidade de servidores, ele diz que, mesmo reduzido, o quadro de funcionários atende às necessidades do município. “Os que estão trabalhando têm que dar um pouco mais de si. As horas extras também suprem a falta de alguns.”