Vereadores aprovam construção de 30 casas

Notícia

Vereadores aprovam construção de 30 casas

Por

Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Foram aprovados dez projetos na última sessão da câmara. Destaque para o repasse de R$ 490,4 mil do governo federal, e outros R$ 79,6 mil da administração municipal, para construção de unidades habitacionais. Os vereadores aprovaram também a abertura de crédito especial no valor de R$ 1 milhão, da Secretaria de Educação, para regularização de código contábil de despesa.

Foram aprovados outros oito projetos, entre os quais: abertura de crédito de R$ 400 mil para a construção de unidade de saúde em Conservas; R$ 78,6 mil para o Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos; R$ 41,8 mil para atendimentos odontológicos; R$ 200 mil, do governo federal, para construção de unidade básica de saúde; R$ 50 mil para melhorias e ampliações no Parque Histórico.

Problemas de infraestrutura

camara

Diversos foram as reclamações dos vereadores de oposição. Sérgio Kniphoff (PT) criticou a falta de investimentos no bairro Santo Antônio, e cobrou novos itinerários do transporte coletivo, e canalização de ruas. Ele citou também problemas no cemitério localizado próximo ao bairro Jardim do Cedro. “Moradores dizem que o cheiro de carne podre é insuportável alguns dias”, diz.

Eloede Conzatti (PT) criticou o secretário de Obras, Mozart Lopes. Segundo ela, apenas obras que dão “ibope” são prioridades para administração municipal. “Só pensam em fazer túneis e asfalto, mas não observam os pequenos problemas”, diz, alertando para bueiros entupidos, falta de sinalização, e buracos nas principais vias dos bairros.