Escolas particulares lideram nas aprovações

Notícia

Escolas particulares lideram nas aprovações

Por

Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

É alto o índice de alunos do En­sino Médio das escolas priva­das aprovados em vestibular de universidades federais. Neste ano, quem liderou em números de aprovações foi o Colégio Evangélico Alberto Torres (Ceat), com 15.

Quatro alunos do colégio passa­ram nas duas universidades: Uni­versidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

jeremiasO aluno Jeremias Corbellini de Azambuja foi aprovado em ambas e pretende cursar Engenharia de Produ­ção na Ufrgs. “Porto Alegre é melhor”, resume. Ele realizou seis meses de cur­sinho pré-vestibular e aprofundou os estudos nos dois últimos meses. “Estu­dava até mais de três turnos”, diz.

Em Arroio do Meio, quatro alunos do Colégio Bom Jesus São Miguel foram aprovados na Ufrgs e quatro na UFSM. Em 2009, o colégio con­quistou o primeiro lugar no Vale do Taquari no Exame Nacional de Ensi­no Médio (Enem).

No mesmo ano, a escola teve apro­vação de 50% dos alunos no vesti­bular da Ufrgs, sendo que dos 12 es­tudantes que realizaram as provas, seis conquistaram vagas e os demais ficaram na suplência.

O colégio, que tem 240 alunos, 48 professores e funcionários, tem es­tudantes não só de Arroio do Meio, mas de cidades como Capitão e Lajeado. A maioria dos alunos que concluem os cursos na Ufrgs conse­guem trabalho e optam por residir na região metropolitana.

No último concurso público rea­lizado na cidade, a aluna Eliz Wan­derer, 18 anos, recém formada no Ensino Médio, ficou em primeiro lugar entre os 145 inscritos.

Segundo a diretora Maria Cristina Gabriel Gonzatti, é exigido dos alunos maior empenho a fim de que saiam do Ensino Médio, aptos a seguirem a formação nas universidades. “Quem realmente quer estudar será muito exigido, mas valerá a pena”, diz.

O ano letivo, para os professores, inicia no encontro pedagógico do dia 14 de fevereiro, às 8h, em Porto Alegre, quando serão organizados os traba­lhos do corpo docente para 2011. As aulas para os alunos começam no dia 21 de fevereiro, mesmo dia em que a escola completa 80 anos.

Outras escolas

O Colégio Santo Antônio, em Estrela, encaminhou neste ano três alunos para a Ufrgs, dois para UFSM e um à Uni­versidade Federal de Pelotas (Ufpel). Conforme a diretora Cláudia Costa, o resultado foi gratificante. “É um índice muito bom”, afirma.

No Colégio Martin Luther, sete estudantes prestaram vestibular na Ufrgs e um pas­sou. Segundo a diretora An­drea Desbessel, a cada ano as turmas demonstram ca­racterísticas diferentes. “Nes­te ano, muitos quiseram ficar na Univates”, diz.

Em 2010, três alunos do Colégio Gustavo Adolfo, de Lajeado, passaram na Ufr­gs. Os estudantes do Colé­gio Sinodal Conventos, só realizaram vestibular para a Univates.

O Colégio Cenecista João Batista de Mello inicia o ano encaminhando um aluno à Ufrgs que cursará Fonoaudiologia. De acor­do com a diretora Graziela Cristina Lorencet três estu­dantes tentaram na mesma universidade.

Acompanhe
nossas
redes sociais