Solidariedade para reconstruir a casa

Notícia

Solidariedade para reconstruir a casa

Por

Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Um acidente na quarta-feira da semana pas­sada destruiu tudo o que a família Sell con­quistou. Leopoldo Germano Sell, 37 anos, trabalhava na lavoura, quando por volta de 16h30min, viu sua casa queimar em apenas 15 mi­nutos. Estima-se que os prejuízos cheguem a R$ 100 mil.

O Corpo de Bombeiros in­formou à família que o incêndio começou no forro e que as causas prováveis foram problemas na rede elétrica da casa. A esposa e os dois filhos não estavam na residência.

incendioA renda da família provê do cul­tivo de fumo e milho. A plantação de 9,6 hectares fica ao lado da resi­dência e falta mais de um mês para a produção e geração de lucros.

A casa foi construída há dez anos e reformada há dois, quando parte do material de madeira foi substituído por alvenaria. Dentro da residência havia roupas; eletro­domésticos, como TV, geladeira, freezer e fogão; alimentos; e R$ 2,5 mil em dinheiro que o casal poupou a fim de pagar a carteira de habilita­ção do filho de 18 anos. O prejuízo calculado é de R$ 100 mil.

Nos primeiros dias dormiram na casa de vizinhos. Hoje, moram ao lado da casa destruída, em um galpão e enfrentam dificuldades de higiene e alimentação. Ele conta que receberam bastante ajuda da comunidade e da Assistência Social do município, mas que necessitam de mantimentos. In­teressados em ajudar podem ligar para (51) 9996-1506.

Sell conta que a casa não tinha seguro, e o que restou será demo­lido. Ele não sabe como farão para reconstruir, visto que a renda da família é baixa e não tem condição de adquirir os bens. Assim, conta com ajuda.

A ajuda dos amigos

Hélio Fischer, 68 anos, é vizinho e ajuda a família desde a semana passada, quando aconteceu o incên­dio. Fischer conta que a comunidade está comovida com a situação da família e mobiliza-se para auxiliar. “Temos que ajudar, são pessoas trabalhadoras e sérias”, relata.

Depois da perda, vem a reconstrução

Ana Claudia Stake da Silva, Manoel Silva e a família perderam tudo o que tinham, quando sua casa incendiou na madru­gada do dia 28 de agosto no bairro Hidráulica, em Lajeado. Sobraram ape­nas algumas paredes, mas os pertences foram destruídos.

Depois de duas se­manas devido ao apoio de amigos, vizinhos e comunidade, a família começou a reconstruir a casa. Doações vieram de toda a cidade. Ana agrade­ce a ajuda de todos e diz que não imagina como a família se reergueria sem o auxílio.

A nova casa é de al­venaria e agora a família garante que atenção é redobrada.

Na época o Corpo de Bombeiros determinou que a causa do incêndio foi um curto circuito na rede elétrica.

Acompanhe
nossas
redes sociais