Lajeado na disputa pela Copa do Mundo 2014

Notícia

Lajeado na disputa pela Copa do Mundo 2014

Por

Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Agora é para valer. Ontem, representantes de 30 mu­nicípios reuniram-se em Porto Alegre para oficializar suas candidaturas a cidades subsedes da Copa do Mundo do Brasil em 2014. No encontro, estava presente o exe­cutivo da Match Services – empresa contratada pela Fifa para acomodar as seleções e as delegações durante o evento, Paul Whelan, que recebeu as propostas, e alertou que a presença de um hotel de quatro ou cinco estrelas será o fator mais importante para que uma seleção se hospede na cidade.

Presente ao evento, o secretário de Esportes de Lajeado, Carlos Kayser, informa que o primeiro passo é a assinatura de contratos com os hotéis. “Se por acaso não tiver o contrato, o município cai fora da lista. Muitos saíram desanimados do encontro”, alerta. Kayser explica que a empresa tem o modelo pronto do contrato para os hotéis analisarem e salienta que a região não enfrentará dificuldades nesse quesito. “A Match quer fazer a assinatura dos contratos ainda em se­tembro e fará vistorias para verificar a adequação dos locais”, diz.

Kayser informa que até o fim de 2010 a empresa deve fechar uma lista de cem municípios brasileiros para enviar aos 208 países ligados à Fifa. Segundo ele, a exigência da empresa é de que haja até cem quartos por município, não necessariamente no mesmo estabelecimento. “Vamos começar a partir de hoje as visitas aos hotéis do município”, afirma, acrescentando que o secretário extra­ordinário da Copa, Eduardo Antonini, adiantou que apenas oito ou nove cidades farão parte da lista final com a capital gaúcha.

Comissão especial

Segundo o presidente da Amturvales, Ronaldo Zarpellon, o gerente aposentado do Ban­co do Brasil, Hans Saatkan foi contratado para coordenar uma comissão especial do Vale do Taquari, que trabalhará dire­tamente a questão da copa. De acordo com Zarpellon, a comissão terá representantes da CIC –VT, Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat), Amturvales, Code­vat, administração municipal, Comando Regional de Policia Ostensiva (CRPO), Associação dos Vereadores do Vale do Ta­quari (Avat), e Polícia Civil.

Vitrina para a região

Zarpellon informa que a es­colha dos municípios não cabe à Fifa, mas sim aos próprios técnicos das seleções. Para isso, a Match Service preparará um dossiê com as vantagens que o estado oferece. “A capital e a serra não comportarão esse pessoal todo. Queremos estar neste portfólio. Se não receber­mos uma seleção, estaremos na vitrina para os turistas“, diz.

Estrutura e carências da cidade

lajeado aeeroDe acordo com Zarpellon, o município de Lajeado tem a oferecer o futuro campo do Clube Esportivo Lajeadense, que contará com campo oficial e três campos de treinamento. Outra estrutura citada foi a da Univates, com piscina e espa­ços de fisioterapia e prepara­ção física. Sobre os hotéis, ele informa que hoje comportam 721 leitos. Entre os principais problemas citados, está a capacitação de pessoal para recepcionar turistas; ampliação da rede hoteleira e gastronômi­ca; e melhorias nos acessos ao município e nas áreas da segurança e da saúde.

Confira os candidatos do estado:

Alvorada

Bento Gonçalves

Cachoeirinha

Canela

Canoas

Capão da Canoa

Caxias do Sul

Eldorado do Sul

Flores da Cunha

Garibaldi

Gramado

Guaíba

Ijuí

Lajeado

Lagoa dos Três Cantos

Novo Hamburgo

Osório

Passo Fundo

Pelotas

Rio Grande

Santa Cruz do Sul

Santa Maria

Santo Antônio da Patrulha

Santo Ângelo

São João do Polêsine

São Leopoldo

Sapucaia do Sul

Taquara

Torres

Viamão