Semana Santa impulsiona vendas

Notícia

Semana Santa impulsiona vendas

Por

Tradicionalmente na semana que an­tecede a Páscoa, os piscicultores da região organizam feiras para incrementar a renda. Segun­do levantamento realizado pela Emater/RS-Ascar, em todo o estado a venda de peixes durante a Semana Santa terá um volume estimado em 1.927.155 quilos de pescado. Carpas, tilápias, traíras e jun­diás são as principais espécies ofertadas em mais de dois mil pontos de venda, em 319 mu­nicípios. O preço médio varia de R$ 5 a R$ 6 para o peixe vivo e em R$ 13 para os filés de pescado.

O engenheiro agrônomo da Regional de Estrela, Nilo Cortez, destaca a ampla venda direto na propriedade que é responsável por aproximada­mente 50% da comercializa­ção nessa época. Os outros pontos de venda são as Feiras do Produtor, pesque-pague, mercados e a domicílio.

Em 62 municípios da re­gional de Estrela é realizada a venda de aproximadamente 405 mil quilos de peixe em 284 pontos de venda. Em 2010, há estimativa de um incremento de 6 a 7% na comercialização. “Alguns produtores tiveram prejuízos com as últimas enchentes, mas nada que prejudique o abastecimento”, destaca. São 200 piscicultores que este ano ofertam peixes diretamente nas propriedades rurais.

peixeA Agroindústria Bom Pei­xe, de propriedade da família Welzbacher, está preparada para atender a demanda da Semana Santa com peixes da espécie carpa. Serão ofertados oito mil quilos. A maior parte será vendida na propriedade e a outra em supermercados e pontos-de-venda. A feira termina nesta quinta-feira, dia 1º de abril.

Conforme o piscicultor Adelsinho, na propriedade os visitantes encontrarão completa infraestrutura, com serviço de restaurante e venda de peixe. “Temos um aquário no qual é possível escolher o peixe, que é limpo na hora. Se preferir, o consumidor pode levar inteiro”, comenta.

FOTO Giovane Weber