Poeira atormenta a vida de moradores

Notícia

Poeira atormenta a vida de moradores

Por

Estrada ForquetinhaOs moradores que residem ao longo da RS-421 que liga o bairro Conven­tos- Lajeado ao centro de Forquetinha, numa extensão de 13,6 quilômetros, não sabem se preferem os dias de sol ou os de chuva. Grande circulação de veículos, inclusive pe­sados, causa uma nuvem de poeira e transforma a vida da população num pesadelo que parece não ter mais fim. Não é preciso andar muito pelo trajeto para encontrar um morador indignado com as promessas da liga­ção asfáltica.

Há mais de dez anos o estado deu início aos trabalhos de pavimentação da rodovia, porém problemas políti­cos tiraram as máquinas da estrada e até hoje as famílias esperam pela retomada do serviço. O investimen­to feito se perdeu. Agora a poucos meses das eleições a promessa das obras serem retomadas novamente foi anunciada, mas poucos acreditam que a tão sonhada pavimentação asfáltica sairá do papel.

Yeda assina liberação

Na semana passada, o prefeito Waldemar Richter e o vereador Gerson Drebes receberam uma boa notícia da governadora, Yeda Crusius. Durante a audiência, ela assinou a liberação para o início dos trabalhos no trecho que liga Forquetinha a Lajeado. De acordo com a governadora, a licitação para contra­tar a empresa que construirá a estrada está em andamento. “Esperamos que desta vez as obras sejam retomadas.

Não podemos perder as esperanças. A governadora garantiu que dará prio­ridade para nosso projeto”, afirmou Drebes.poeira

Conforme a assessoria de impren­sa do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), a obra com extensão de 13,6 quilômetros do bairro Conventos, em Lajeado, até Forquetinha, na RS-421, necessita nova licitação.