“Garantir a segurança num momento de reconstrução é o maior desafio”, afirma novo comandante do CRPO

LAJEADO

“Garantir a segurança num momento de reconstrução é o maior desafio”, afirma novo comandante do CRPO

Tenente-Coronel Rodrigo Schoenfeldt assume o Comando Regional da Brigada Militar no lugar de Jeferson Marques de Melo

Por

“Garantir a segurança num momento de reconstrução é o maior desafio”, afirma novo comandante do CRPO
Foto: Gabriel Santos
Lajeado
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

No auditório do Sicredi Integração RS|MG em Lajeado, o Tenente-Coronel Rodrigo Schoenfeldt assumiu oficialmente o Comando Regional de Polícia Ostensiva do Vale do Taquari.

Com carreira iniciada em 1994 na Brigada Militar, Schoenfeldt possui bacharelado em Ciências Militares, diversos cursos na área e várias medalhas de mérito. O histórico profissional inclui passagens pelo Gabinete da Presidência da República e pela Secretaria de Segurança Pública do Estado. Antes desta nova função, ele comandava o 23º Batalhão de Santa Cruz. Schoenfeldt substitui o Tenente-Coronel Jeferson Marques de Melo, que esteve no comando desde fevereiro de 2023.

Durante a cerimônia, que contou com a presença do Secretário de Segurança Pública, Sandro Caron, foram destacadas as realizações do comandante anterior, especialmente na redução dos índices criminais em um período desafiador para a região. Em discurso de posse, o novo comandante ressaltou o principal desafio neste momento é garantir a segurança das cidades do Vale do Taquari durante um momento de reconstrução. “A Brigada se volta à repressão do crime organizado. Precisamos deixar as pessoas seguras”, afirmou.

Secretário de Segurança Pública, Sandro Caron

Combate ao roubo e homicídios

Sandro Caron, em fala, reconheceu a complexidade do comando regional e elogiou a escolha por Schoenfeldt, atribuindo a ele uma vasta experiência e capacidade para enfrentar os desafios presentes. O secretário mencionou que o trabalho seguirá focado no combate a roubos e homicídios, com o objetivo claro de garantir a sensação de segurança para os cidadãos. No último mês, a Brigada Militar registrou 1.098 prisões por tráfico de drogas.

Caron também destacou a necessidade de melhorias no sistema penal e no endurecimento das penas, enfatizando que qualificações em vários crimes são essenciais para uma política de segurança eficiente. “É preciso haver mudanças nas legislações”.

Acompanhe
nossas
redes sociais