Comissão do bicentenário da imigração alemã visita grupo folclórico de Estrela

IMIGRAÇÃO ALEMÃ

Comissão do bicentenário da imigração alemã visita grupo folclórico de Estrela

Representantes do estado acompanharam os ensaios do Grupo Folclórico da Comunidade Evangélica, o mais antigo em atividade no Brasil

Por

Comissão do bicentenário da imigração alemã visita grupo folclórico de Estrela
Grupo Folclórico de Estrela é o mais antigo em atividade no Brasil (Foto - Gabriel Santos)
Estrela
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Estrela recebeu neste sábado, 6, a visita do presidente da Comissão Oficial do Bicentenário da Imigração Alemã no Rio Grande do Sul, Rafael Koerig Gessinger. Durante a visita, Gessinger acompanhou os ensaios do grupo folclórico da comunidade evangélica, o mais antigo em atividade no Brasil, com mais de 60 anos de existência.

Segundo Gessinger, a visita serviu para reconhecer as atividades realizadas em Estrela. Ele ressaltou o papel importante da dança neste momento trágico que o Rio Grande do Sul atravessa. “A população sofre, mas através da dança e conhecimento, superam isso tudo,” afirmou.

Além disso, o presidente trouxe mais informações sobre as próximas ações da Comissão. Ele adiantou que, na próxima semana, uma equipe do Governo do Estado iniciará a produção de um vídeo institucional sobre o Bicentenário da imigração alemã e escolheu Estrela para a captação de imagens. “Estrela se destaca nas atividades. Adianto também que, em julho, teremos na Univates um grande concerto com a Orquestra de Porto Alegre,” informou.

ONG Moradia e Cidadania confirmou a ajuda de R$ 10 mil para compra de novos trajes (Foto – Gabriel Santos)

Novos trajes

Durante o evento, houve a entrega de novos trajes e a confirmação de ajuda por parte da ONG Moradia e Cidadania, dos empregados da Caixa Econômica Federal. A ajuda, no valor de R$ 10 mil, será destinada à compra de novos trajes e reposição dos que foram danificados pela enchente em maio.

A informação foi confirmada pelas representantes da Caixa Econômica Federal de Caxias do Sul, Débora Cristina Bolzzoni e Luana Samara Schmid, que também estiveram em Estrela na tarde deste sábado. O objetivo da ONG é de manter atividades de apoio voltadas às áreas de educação, cultura,m geração de emprego e renda.

Acompanhe
nossas
redes sociais