Grêmio iguala maior série de derrotas nos pontos corridos

Na zona de rebaixamento

Grêmio iguala maior série de derrotas nos pontos corridos

Revés no Gre-Nal faz o Tricolor chegar a seis derrotas seguidas, marca que atingiu em 2004, ano do segundo rebaixamento. Campanha atual só não é inferior à de 2021

Por

Grêmio iguala maior série de derrotas nos pontos corridos
Campanha de 2024 iguala sequência de derrotas de 2004 e só é melhor em pontuação do que a de 2021. (Foto: Divulgação)

O revés por 1 a 0 no Gre-Nal fez o Grêmio chegar a seis derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro. Para o Tricolor, na era dos pontos corridos, essa marca só foi registrada na edição de 2004, que terminou com o rebaixamento do clube para a Série B. A atual arrancada, embora melhor, também remete ao início de 2021, quando o Tricolor caiu recentemente.

A campanha atual de seis pontos em nove jogos faz a equipe reviver anos dolorosos dentro de campo. O histórico de seis derrotas seguidas espelha a campanha de 2004. Ainda assim, com nove jogos naquele ano, o Tricolor nem sequer estava na zona do rebaixamento, era o 15º colocado com 10 pontos, em um campeonato com 24 times. Enfileirou as derrotas já na reta final daquele Brasileiro.

O cenário em pontuação está superior ao vivido em 2021, edição do último rebaixamento, quando o Grêmio fez apenas três pontos nos nove primeiros jogos. Hoje, com duas partidas em atraso, o Grêmio tem duas vitórias e sete derrotas. Tem, portanto, o dobro de pontos conquistados no ano do rebaixamento mais recente.

Indo para a 12ª rodada, o Grêmio ainda tem dois jogos atrasados, com Criciúma e Atlético-MG, sem data definida. Ao tentar vislumbar uma saída do Z4, o Tricolor mira o Vitória, primeiro time fora da zona, com nove pontos, três a mais que a equipe gremista.

Longe da Arena

O Grêmio ainda não tem previsão de voltar a mandar jogos na Arena, que está em recuperação após a enchente. Depois de atuar como mandante em Curitiba-PR e em Cariacica-ES, os gremistas retornam ao Rio Grande do Sul e devem oficializar o estádio Centenário, em Caxias do Sul, como nova casa temporária.

A equipe de Renato Portaluppi tenta a recuperação amanhã, diante do Atlético-GO no Antônio Accioly. No próximo domingo, encara o Fluminense, em partida no Centenário.

Acompanhe
nossas
redes sociais