Porto de Estrela é municipalizado

LOGÍSTICA

Porto de Estrela é municipalizado

Tratativas para que a área do Porto seja transferida definitivamente ao município de Estrela foram concluídas nessa segunda-feira, 24

Por

Atualizado segunda-feira,
24 de Junho de 2024 às 11:07

Porto de Estrela é municipalizado
Foto: AI Estrela
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

As tratativas para que a área do Porto de Estrela seja transferida definitivamente ao município de Estrela foram concluídas nessa segunda-feira, 24. A posse do espaço de 49 hectares auxiliará na retomada do transporte hidroviário no Vale do Taquari.

“Talvez esse momento, se não tivéssemos as últimas cheias, seria uma das melhores notícias que poderíamos trazer para a região”, elencou Elmar Schneider, prefeito de Estrela.

Mesmo com os desafios enfrentados com as enchentes, o prefeito destacou que o valor do porto nunca foi diminuído. “O porto não perde em nenhum momento, nem na tragédia, sua valorização”.

No começo da tarde desta segunda-feira, 24, a prefeitura segue para reunião em Porto Alegre com lideranças estaduais para confirmar a assinatura do contrato. “O Porto pertence a nós.”

Schneider anunciou que, após essa conquista, a Administração Municipal promoverá um debate regional com a Univates, a comunidade e a Associação dos Municípios do Vale do Taquari (AMVAT) para definir o destino da área. “Agora o porto é do Vale”, afirmou. “Na verdade, a iniciativa privada tem um interesse forte no porto de Estrela. Trabalhamos muito. Hoje é um dia histórico. Se olharmos no passado, o governo federal investiu bilhões de reais no porto. Sendo municipalizado, ele continua com um valor de mercado muito grande.”

O prefeito ressaltou que a municipalização do porto representa um valor significativo para o município. “Para quem não tinha nada, o porto sendo municipalizado representa sempre um valor muito grande. Tenho a certeza absoluta de que, com o trabalho concluído, agora vamos dialogar com entidades e empreendedores do Vale do Taquari, Rio Pardo e Serra Gaúcha. Temos muitos empreendedores interessados no porto de Estrela.”

Recuperação está a caminho

Em relação aos danos causados pelas recentes enchentes, a diretora Elaine Strehl, responsável pelo levantamento dos prejuízos, detalhou os impactos e os planos de recuperação. “Fizemos um levantamento, estamos na fase final junto à engenharia, sobre o prejuízo. Tivemos danos no pavilhão onde eram realizados os eventos.”

Strehl destacou que, apesar dos danos, há condições para reerguer o espaço. “Estamos trabalhando de forma contínua, para reerguer o espaço, com pinturas. São essas questões que vamos partir depois que sair o levantamento. É uma área nobre e boa, que tem uma logística muito boa. Queremos trazer pessoas que acreditam no Vale do Taquari.”

A ausência de seguro da área foi mencionada, mas Strehl garantiu que há aportes de recursos da União e da Defesa Civil que darão suporte para a reconstrução da área logística. “Não temos um seguro da área, mas temos aportes de recursos da União e da Defesa Civil que vão nos dar suporte para reerguer a área logística.”

Acompanhe
nossas
redes sociais