Senai e Lajeado iniciam 4ª edição do Trilhas da Inovação

FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Senai e Lajeado iniciam 4ª edição do Trilhas da Inovação

Programa de qualificação voltado à rede municipal dos anos finais do Ensino Fundamental terá turma com 138 alunos. Atividades no turno inverso vão até 17 de dezembro

Por

Senai e Lajeado iniciam 4ª edição do Trilhas da Inovação
Aula inaugural ocorreu na tarde de ontem. Trilhas da Inovação é custeado pelo governo de Lajeado. Neste semestre de aulas, foram investidos R$ 239 mil. (Foto: Filipe Faleiro)
Lajeado

As aulas do Trilhas da Inovação começaram na tarde de ontem, na unidade do Senai em Lajeado. Nesta 4ª edição, o programa selecionou 138 estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental da rede pública de Lajeado.

Custeado pelo governo municipal, o projeto surgiu após debates dentro do Pro_Move, grupo com participação do setor empresarial, universidade, repartições públicas e sociedade civil organizada.

O objetivo é garantir a oportunidade para jovens de 13 e 14 anos terem conhecimentos técnicos introdutórios para quatro áreas (Indústria 4.0, Robótica, Tecnologia da Informação e Eletrônica). Conforme o diretor operacional do Senai Vale do Taquari, Jerry Hibner, perto de 30% dos concluintes ingressam no jovem aprendiz no ano subsequente ao curso.

“As empresas nos contactam e pedem aprendizes que passaram pelo Trilhas. Muitos desses alunos que começaram hoje, terão a primeira carteira assinada devido ao curso”, destaca Hibner.

Em resumo, afirma o diretor, a meta é aproximar estudantes das oportunidades do mundo do trabalho antes mesmo deles chegarem no Ensino Médio.

Para o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, André Bücker, os resultados são positivos. “O Trilhas serviu de referência para outras cidades gaúchas. E o projeto nasceu aqui. Esperamos que continue por muitos anos”, diz o secretário.

De 2021 até 2023, mais de 340 estudantes do Fundamental receberam os certificados. As aulas da quarta turma vão até o fim do ano letivo das escolas municipais, previsto para 17 de dezembro.

Formação integral

O convênio com o Senai tem como responsáveis na análise dos resultados as secretarias de Desenvolvimento Econômico e também de Educação. Neste sentido, a responsável pelo ensino na rede municipal, Adriana Vettorello, realça que o trilhas vai além de gerar oportunidade para o futuro do trabalho.

“Vemos mudanças no convívio dentro das escolas. O estudante amplia a visão de mundo. Essa experiência leva para outros ambientes. Ajuda na formação integral desse jovem”.

Referência

O Trilhas se tornou um programa replicado em diversas regiões gaúchas. “O modelo é adaptado frente às características da cidade em que será implentado. Mas, o pioneiro foi aqui em Lajeado”, destaca o diretor do Senai Vale do Taquari, Jerry Hibner.

A metodologia passou a fazer parte da oferta do Senai no RS e no país. Há cursos semelhantes em Garibaldi, Erechim, Serafina Corrêa, Guaporé entre outros municípios.

Detalhes do Trilhas da Inovação

  • Foi o primeiro projeto de inovação na área educacional em Lajeado, iniciado em 2021, a partir das discussões da quadruplice hélice (Pro_Move).
  • É destinado para escolas da rede pública municipal, do 9º ano do Ensino Fundamental.
  • Curso com ênfase em inovação, engenharia e ciências exatas. São quatro trilhas independentes: eletrônica, robótica, fundamentos para programação de software e tecnologias da indústria 4.0.
  • O governo de Lajeado oferece lanche e transporte gratuito aos alunos. Além de investir nas formações. Neste ano, foi de R$ 239 mil.
  • O Senai fornece material didático, uniforme, e caderno.

Acompanhe
nossas
redes sociais