Atacante ex-Lajeadense denuncia racismo no Campeonato Amazonense

Manaus

Atacante ex-Lajeadense denuncia racismo no Campeonato Amazonense

Patrick Correia Sales, 24 anos, comunicou que foi chamado de "macaco" por torcedor da equipe rival

Por

Atacante ex-Lajeadense denuncia racismo no Campeonato Amazonense
Foto: divulgação
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

O atacante ex-Lajeadense Patrick Correia Sales, 24 anos, denunciou que foi alvo de racismo praticado por um torcedor não identificado, em partida válida pelo Campeonato Amazonense, na tarde de sábado, 10. O jogo ocorreu no Estádio Ismael Benigno, a Colina, em Manaus, pelas quartas de final.

Conforme o jogador, conhecido como Patrikão, o indivíduo estava na arquibancada da torcida organizada do Manaus FC, equipe rival, e o chamou de “macaco”. Ele comunicou o ocorrido ao árbitro da partida, Halbert Luis Moraes Baia, que fez o registro em súmula.

O Manaus FC emitiu nota oficial sobre o episódio:

“O Manaus FC repudia veementemente qualquer ato de racismo. A discriminação racial é inaceitável e vai contra os princípios de respeito e igualdade que defendemos. O caso só veio ao conhecimento do clube através do relato na súmula. Se o clube tivesse presenciado o fato, teria identificado o torcedor envolvido e tomaria as medidas imediatas”, diz o texto divulgado na tarde de domingo, 11.

Patrikão atuou na equipe de Lajeado no ano passado.

Acompanhe
nossas
redes sociais