Teutônia avança no projeto de ter cidade coirmã na Alemanha

intercâmbio

Teutônia avança no projeto de ter cidade coirmã na Alemanha

Comitiva de Mengerschied, no sudoeste alemão, esteve na cidade nesta semana e apontou interesse em manter vínculo entre as comunidades. Proposta da administração do município gaúcho é oficializar a relação durante as comemorações do bicentenário da imigração alemã, em julho

Por

Teutônia avança no projeto de ter cidade coirmã na Alemanha
Em Janeiro deste ano, comitiva alemã esteve em Teutônia para consolidar vínculo de cidade coirmã (Fotos: divulgação)
Teutônia

Em busca de um intercâmbio cultural, estreitaram-se as relações entre Teutônia e Mengerschied, no sudoeste da Alemanha, com o intuito que estas se tornem cidades coirmãs. Uma comitiva do município alemão esteve no Vale do Taquari entre segunda e terça desta semana e conheceu de perto um pouco da estrutura de Teutônia.

A ideia da administração é oficializar o vínculo no bicentenário da imigração alemã, em julho deste ano. Para isso, será elaborada uma carta de intenções, o que Mengerschied também fará, onde serão mencionadas as afinidades entre os municípios e detalhada a proposta de integração.

O prefeito Celso Forneck, que também é professor de história, explica que o movimento surgiu a partir de uma busca pela origem da família Schaeffer, e que foi identificado um antepassado no município da Alemanha. “Isto se ampliou, se intensificou e outras famílias também começaram a se envolver”, pontua.

Sobre o interesse em ter uma cidade coirmã, Forneck diz que se trata de criar uma referência no país europeu e ter uma proximidade por identificação. “Quando pessoas da Alemanha vêm para Teutônia, elas já são acolhidas por descendentes daquelas famílias. Quando alguém de nós vai pra lá, nós seremos acolhidos por essas famílias. Então é um intercâmbio afetivo e cultural entre as duas cidades.”

Outro fator que proporciona essa aproximação é um maior interesse dos alemães na cultura existente no Brasil, em especial na região Sul, onde há maior descendência. “Muitas coisas que nós ainda cultuamos aqui, na Europa já não existem mais. Então eles se impressionam, como mantivemos esses traços culturais”, acrescenta o prefeito.

Viagem acelera processo

Uma turnê da Orquestra do Colégio Teutônia, que ocorreu entre julho e agosto do ano passado, começou justamente por Mengerschied. Lá, a comitiva brasileira estreitou laços com os alemães, e no fim de 2023 uma indicação dos vereadores Márcio Vogel, que participou da viagem, e Vitor Krabbe, professor de alemão no município, encaminhou a proposta ao Executivo.

A intenção de vínculo entre as cidades não contempla nenhuma situação mais elaborada em um primeiro momento, como formação de profissionais ou algo do gênero, até por Mengerschied se tratar de um município de menor porte. No início serão apenas trocas de visitas. “Queremos construir isto, mas não queremos pré-determinar o que vai acontecer”, pondera Forneck.

Salão comunitário na cidade do sudoeste alemão

Sobre Mengerschied

O futuro município coirmão de Teutônia está localizado no distrito de Rhein-Hunsrück, no estado da Renânia-Palatinado, sudoeste da Alemanha.

A cidade tem 9,5 km² de área e tem uma população de 728 pessoas, de acordo com a última atualização, em dezembro de 2022.

 

Acompanhe
nossas
redes sociais