Comitê gestor da Bacia Hidrográfica Taquari-Antas debate ações contra cheias

ENCANTADO

Comitê gestor da Bacia Hidrográfica Taquari-Antas debate ações contra cheias

É o primeiro encontro presencial do grupo desde 2020

Por

Comitê gestor da Bacia Hidrográfica Taquari-Antas debate ações contra cheias
Foto: Matheus Giovanella Laste
Encantado

O auditório da prefeitura de Encantado sedia nesta sexta-feira, 8, uma reunião Ordinária do Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica Taquari-Antas com representantes das entidades, titulares e suplentes da região. O encontro iniciou a partir das 9h15min e segue durante o dia. Essa é a primeira reunião presencial do grupo desde 2020.

O coordenador da Defesa Civil do município, Roberto Preto, conta que uma das principais pautas a serem discutidas é a Etapa C do Plano de Bacia do Comitê Taquari-Antas e as ações desencadeadas na identificação de soluções para os eventos climáticos extremos. “Desde 2012 o Estado não avançou nessa parte, agora a comunidade acordou para o fato que não se faz gerenciamento de recurso hídrico e controle de enchente que não seja no aspecto da bacia hidrográfica como um todo”, diz Preto.

A presidente do comitê, Adelaide Juvena Kegler Ramos, revela que as reuniões ordinárias ocorrem a cada dois meses de forma itinerante entre os 119 municípios da área de abrangência. “A fase C precisa ser concluída para ser a norteadora de ações e decisões necessárias para mitigar e prevenir  eventos climáticos extremos como os das enchentes que atingiram o vale no último mês de setembro, assim como as estiagens que vem se repetindo sucessivamente nos últimos anos”, ressalta.

Adelaide reforça que não se pode pensar em ações isoladas de recuperação de mata ciliar, dragagem do rio, sem considerar um conjunto de atitudes para trabalhar a bacia em toda a sua área de abrangência, das cabeceiras até a sua foz. “Em Encantado vamos oportunizar uma visita técnica ao comitê e conhecer as áreas atingidas com as últimas enchentes, para analisar melhor a ocorrência dos eventos e trabalhar estratégias para prevenção e mitigação de eventos dessa natureza”, aponta a presidente.

Pautas do encontro

  • Informações sobre o Plano de Bacia do Comitê Taquari-Antas-Etapa C e as ações desencadeadas na identificação de soluções para os eventos climáticos extremos.
    Palestrante: Diretor do Departamento de Recursos Hídricos e Saneamento, Luciano Cardone.
  • A atuação da Defesa Civil no enfrentamento das cheias e as ações previstas para a prevenção de eventos climáticos extremos.
    Palestrante: Coordenador Regional de Proteção e Defesa Civil, Cel. Everton de Souza Dias.
  • Projeto Verde Urbano em Estrela
    Palestrantes: Bióloga Paula Fagundes e Arquiteto Mauro Ayres da Secretaria de Desenvolvimento, Inovação e Sustentabilidade de Estrela
  • Relato sobre o Seminário “O Vale após a Enchente”.
    Apresentação: Roberto Preto e Júlio Salecker

Na parte da tarde: visita técnica ao bairro Navegantes, local mais atingido pela enchente no município, onde estão instaladas as réguas físicas e a PDC- régua on line ligada por satélite ao sistema de monitoramento eletrônico da Bacia.

Acompanhe
nossas
redes sociais