Vespasiano Corrêa é destaque nacional em educação

ENTREVISTA | FRENTE E VERSO

Vespasiano Corrêa é destaque nacional em educação

Alunos do ensino fundamental atingiram a melhor nota do estado em avaliação de rendimento Escolar

Por

Atualizado quarta-feira,
27 de Setembro de 2023 às 11:55

Vespasiano Corrêa é destaque nacional em educação
Prefeito Tiago Michelon (e) e secretária Marina Brustolin (d) (Foto: Matheus Laste)

Apesar do transtorno e prejuízos enfrentados pela população de Vespasiano Corrêa com a enchente que atingiu o Vale do Taquari, no início deste mês, uma notícia positiva surge em meio ao caos. Alunos do 2º, 5º e 9º ano do ensino fundamental foram submetidos à prova do Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Rio Grande do Sul (Saers) e atingiram a nota 84,10. É o melhor resultado do Estado. O município é seguido de Dois Irmãos das Missões (80,79) e Rondinha (80,26). No final do ranking, Agudo (21,07) e Boqueirão do Leão (22,79) tiveram os índices mais baixos, influenciados pelo baixo comparecimento dos alunos.

Conforme a secretária de Educação, Marina Brustolin, esta é uma grande conquista. “Acredito que seja o reconhecimento do trabalho, organização da gestão e planejamento da secretaria de educação. Vários fatores que contribuem, um grande esforço de toda uma equipe que envolve professores, alunos e familiares para que o resultado fosse alcançado.”

De acordo com o prefeito, Tiago Michelon, Vespasiano Corrêa é um município de pequeno porte, onde dispõem de recursos, a qualidade do ensino acaba sendo melhor e a exigência se torna maior do que em cidades com mais habitantes. “Temos a obrigação em obter resultados positivos. Não é questão de competir, de ser melhor que o outro. Não podemos nos comparar com municípios que tenham bairros mais pobres, dificuldades em recursos. Vespasiano tem a obrigação de estar bem-posicionado, pois não falta nada na educação. Temos alimentação de qualidade, uniformes para nossas crianças, profissionais capacitados. Os resultados no Saers não poderiam ser melhores”, garante Michelon.

Durante entrevista à Rádio A Hora, o prefeito Michelon que também é presidente da Amat falou sobre o cenário após enchente em Vespasiano Corrêa e demais municípios atingidos. “Estamos organizando projetos de médio e longo prazo para reorganizar e reconstruir as cidades. Os prejuízos são grandes e ainda incalculáveis. Uma das prioridades é garantir emprego para as pessoas e movimentar a economia”, pontua.

Além disso, Michelon alerta para possíveis alterações no tráfego da ERS-129 e não descarta a possibilidade da via ser duplicada devido a várias pontes da região terem sido danificadas com a enchente. Gestores dos municípios afetados buscam alternativas para que prejuízos não sejam maiores, impactando ainda mais a logística na região. “Três pontes foram danificadas, estamos buscando alternativas para solucionar o quanto antes esses transtornos.”

Assista a entrevista na íntegra

Acompanhe
nossas
redes sociais