Duas réguas permanecem inoperantes no Rio Taquari

VALE DO TAQUARI

Duas réguas permanecem inoperantes no Rio Taquari

Equipamentos em Estrela e Encantado foram destruídos durante a cheia no início do mês

Por

Duas réguas permanecem inoperantes no Rio Taquari
Foto: Felipe Neitzke/Arquivo A Hora
Vale do Taquari

O monitoramento das águas do Rio Taquari permanece comprometido com a ausência de duas réguas. De acordo com o Serviço Geológico do Brasil (CPRM), os dispositivos foram destruídos durante a enchente dos dias 4 e 5 de setembro.

Equipes estão em campo para a reconstrução, em primeiro momento da régua de Encantado e posterior a de Estrela. Contudo, ainda não há previsão de quando os trabalhos serão finalizados. Enquanto isso, os municípios utilizam réguas físicas para acompanhar o nível do Rio Taquari.

Diante do alerta de chuva com volumes que podem chegar a 200 milímetros entre hoje e amanhã, técnicos do CPRM ampliam a atenção à bacia hidrográfica do Taquari. O trabalho consiste em boletins de risco a partir de dados das áreas de cabeceiras a fim de alertar a Defesa Civil local sobre o potencial de inundação.

Acompanhe
nossas
redes sociais