Vale contabiliza pelo menos 30 mortos

CHEIA DO TAQUARI

Vale contabiliza pelo menos 30 mortos

Mais recente foi em Lajeado, município que está com 27 desaparecidos. Na região alta, o número deve aumentar nas próximas horas

Por

Atualizado quarta-feira,
06 de Setembro de 2023 às 13:27

Vale contabiliza pelo menos 30 mortos
Crédito: Felipe Neitzke / Destruição atinge toda a cidade de Roca Sales

As intensas chuvas no Rio Grande do Sul causaram a maior da tragédia natural da história do Estado, com uma enchente que deixou um rastro de morte e destruição. São pelo menos 34 mortes no RS. Destas, 30 no Vale do Taquari.

A apuração prévia aponta:

Muçum
O governo do Estado retirou 15 corpos de escombros. Perspectiva é que ainda existam desaparecidos em meio às casas destruídas. As vítimas ainda não identificadas e os corpos foram encaminhados ao IML de Porto Alegre.

Roca Sales

Pela contagem oficial do Estado, seis óbitos foram confirmados devido à enchente. Administração municipal acredita que número deve aumentar. Prefeito já falou em pelo menos dez pessoas.

Lajeado

Duas vítimas foram identificadas. Maria da Conceição Alves do Rosário, 50 anos. Ela estava sendo resgatada com um helicóptero, quando o cabo rompeu durante a operação. Ela caiu e morreu. O sargento da Brigada Militar, Tiago Batiani ficou ferido na queda.

Na manhã dessa quarta-feira, 6, foi confirmada a morte do servidor público, Vitor Hugo Pereira, morador do bairro Conservas. Conforme a administração municipal, ainda há 27 pessoas desaparecidas na cidade.

Imigrante
Edi Tietz, 92, de linha Herval. Ela caiu na água e morreu afogada.

Estrela
A primeira vítima confirmada na região. Moacir Engster, 58, sofreu uma descarga elétrica na casa de familiares, no bairro das Indústrias, no loteamento Marmitt.

Cruzeiro do Sul
Uma idosa de 63 anos foi encontrada próxima ao campo Sociedade Esportiva e Recreativa Independente, em Passo de Estrela.

Acompanhe
nossas
redes sociais