“O skate é algo sério e muito bonito para mim”

ABRE ASPAS

“O skate é algo sério e muito bonito para mim”

Faz mais de 25 anos que o skate está na vida de Asafe Schwingel, 31. Enquanto seus amigos queriam ser médicos ou advogados, o lajeadense só queria estar nas pistas. Membro da Associação de Skatistas e Similares de Lajeado, dá aulas de skate para as crianças da região.

Por

“O skate é algo sério e muito bonito para mim”
Crédito: Acervo Pessoal
Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Quando começou a andar de skate?

Comecei a andar muito cedo, quando tinha uns 6 ou 7 anos. Meu avô, já falecido, me comprou um skate e meu pai me ensinou a andar. Eu achava muito bonito ver as pessoas andarem, assistia filmes, competições. Meu sonho era aprender a fazer igual. Comecei a praticar bastante. Participei de campeonatos muito jovem, fui campeão muitas vezes. Fui me estabilizando no esporte. Cheguei a ganhar patrocínio por um tempo devido aos campeonatos. Tudo foi me incentivando.

O que o skate significa para ti?

O skate é mais que um esporte. É arte, estilo de vida, filosofia. É um desapego material, que me faz deixar as coisas ruins de lado. O skate é algo sério e muito bonito para mim. Enquanto meus colegas queriam ser médicos e advogados, eu só queria andar de skate.

Como acompanha o crescimento da modalidade na região?

Quando eu era jovem era muito mais difícil andar pela região. A gente viajava para os campeonatos estaduais, rodava o estado. Fazíamos muito esforço para poder se deslocar, ter os materiais de qualidade. Hoje em dia vejo que a modalidade cresceu.

Acredito que a causa principal dele ter crescido na região, no Brasil, e no mundo, é ter virado um esporte olímpico. A Rayssa Leal, inclusive, abriu muitas portas aqui na região. Um outro fato muito importante foi a criação da associação, a Assla. Ela levou o skate para um patamar mais sério e trouxe mais respeito.

Como é transmitir os ensinamentos e filosofias do skate para as crianças?

Poder trabalhar com aquilo que eu amo é um sonho realizado. Poder ensinar crianças é algo que eu nem consigo mensurar. Crianças são seres inocentes. São anjos na terra. Ensinar aquilo que amo a elas é demais, e com certeza recebo mais delas do que ensino. O nosso objetivo é sempre dar o exemplo positivo e inspirar. Me sinto privilegiado de viver esses momentos com meus alunos.

Como o esporte ajuda no desenvolvimento?

Posso dizer por experiência própria e de alunos que o skate transmite segurança. A prática quebra a timidez, o preconceito. Além disso, todo esporte faz bem para o nosso corpo. O skate é saudável, tem bastante movimentação. Por ser um esporte muito intenso, ele requer muito treino e dedicação. Esse esforço faz a pessoa que se dedica se beneficiar também no dia a dia.

Skate é um esporte para todos?

É um esporte para todos. Para os gordinhos, para os magrinhos, para os velhos e novos, para os meninos e meninas. Qualquer um pode praticar e é bem-vindo em qualquer pista do mundo. Somos muito gratos de poder ajudar e incentivar a todos que querem andar de skate.

Acompanhe
nossas
redes sociais