Rota Gráfica mira mercado catarinense

Opinião

Thiago Maurique

Thiago Maurique

Jornalista

Coluna publicada no caderno Negócios em Pauta.

Rota Gráfica mira mercado catarinense

Por

Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Crédito: Divulgação

Referência em impressões de embalagens para a indústria de alimentos e utensílios diversos, a Rota Indústria Gráfica projeta atuação em terras catarinenses. Diretor da empresa estrelense, Henrique Purper afirma que 2023 será marcado pela busca de nova fatia de mercado, em especial no estado vizinho.

Conforme Purper, o ano de 2022 foi de estagnação de resultados, após um período de pandemia marcado por alta na demanda. “Com as pessoas ficando mais tempo em casa, nossos clientes ampliaram suas vendas, o que resultou em forte elevação”, afirma. Diante do fim das restrições, as prioridades dos consumidores mudaram e a demanda voltou a normalidade.

Para 2023, a meta é de ampliação no desempenho, sem deixar de lado a preocupação com as incertezas quanto ao cenário econômico. Vale lembrar que os insumos do mercado gráfico são cotados em dólar. “Temos uma pequena recessão mundial e provavelmente uma pequena estagnação na demanda. Estamos na expectativa de como o mercado de bens de consumo se comportará no país, mas esperamos que seja um ano normal.”


Acelerada da Stars se destaca no BRDE

Crédito: Divulgação

A Proxpect, startup acelerada pela Stars, ficou em 4ª lugar no programa de aceleração BRDE Labs, em Santa Catarina. Criado pelo BRDE em parceria com a Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE), a iniciativa proporcionou formação empreendedora com foco comercial para 100 startups. As dez melhores colocadas no programa receberam prêmios que vão de R$ 5 mil à R$ 55 mil. Com a quarta colocação, a Proxpect recebeu R$ 18 mil.

No ano passado, a Proxpect recebeu aporte de R$ 300 mil da Stars Aceleradora de Startups, empresa gaúcha com forte atuação no Vale do Taquari e grande número de investidores na região. A startup consiste em um marketplace B2B, que propõe facilitar o contato e a comercialização entre empresas fornecedoras e compradoras dos mais diferentes setores da economia.


Empresa compra três provedores do Vale por R$ 20 milhões

A Unifique, provedor de internet com Matriz em Timbó, Santa Catarina, concluiu a compra de três provedores do Vale do Taquari. Fruto de um investimento de R$ 20 milhões, a empresa catarinense adquiriu a Rasche & Stefenon (Alfanetwork) e a SRNET Serviços de Telecomunicações, ambas de Encantado e com a mesma composição societária, e a MB Telecomunicações, de Lajeado. Juntas, as três empresas têm cerca de 7,5 mil clientes e atuação em oito municípios do Estado.

Este é o quarto movimento de aquisição de empresas gaúchas anunciado pela Unifique. No fim de dezembro, a empresa anunciou a compra da ViaWebRS, de Sapucaia do Sul, em uma transação de R$ 76,9 milhões. Em março do ano passado, a Unifique investiu R$ 135 milhões na compra da Sygo Internet, com atuação no Noroeste gaúcho. Em 2021, os catarinenses compraram a Guaiba Telecomunicações, por R$ 47,5 milhões.


RÁPIDAS

Fisco libera app da DIRF – A Receita Federal disponibilizou o programa gerador da Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) 2023, relativo às informações do ano-calendário de 2022. A DIRF é obrigatória para todas as pessoas físicas e jurídicas que realizaram pagamentos com retenção na fonte de Imposto de Renda, Contribuição Social, PIS, COFINS e também para aqueles que efetuaram pagamentos a pessoa física ou jurídica residente no exterior. Os contribuintes têm até o dia 28 de fevereiro para entregar a obrigação

• Venda de veículos reage – O número de veículos novos vendidos em dezembro chegou a 216,9 mil entre carros de passeio, utilitários leves, caminhões e ônibus. A quantidade é o maior para um mês desde dezembro de 2020 e representa alta de 6,3% na comparação com novembro. O bom desempenho do último mês de 2022 salvou um ano difícil para a indústria automobilística. Com o resultado, o total de veículos vendidos em 2022 alcançou 2,1 milhões, queda de 0,7% na comparação com 2021.

• Salário nas startups – O Relatório de Cargos e Salários em Startups – 2022 mostra que 42% dos profissionais que atuam em startups no Brasil não possuem plano de cargos e salários. Para aproximadamente 44% dos analistas de startups – maior grupo de cargos desta pesquisa, o salário varia entre R$2.501 e R$4.500. Aproximadamente 40% das rendas obtiveram uma média de até 3 salários-mínimos e meio. Já para 26,62%, o valor inicial é de até R$ 7,5 mil. Os outros 32,83% ficam distribuídos nas faixas acima deste valor.

Acompanhe
nossas
redes sociais