Jornada da Clínica Revitallis mostra como empreender é ajudar as pessoas

Lajeado Empreendedora

Jornada da Clínica Revitallis mostra como empreender é ajudar as pessoas

Inaugurada em 2005, clínica é fruto da escolha de Sandro Gularte Duarte, que escolheu Lajeado para realizar seus sonhos sem nunca deixar de colaborar com a comunidade

Por

Atualizado terça-feira,
03 de Dezembro de 2022 às 15:57

Jornada da Clínica Revitallis mostra como empreender é ajudar as pessoas
Sandro Gularte Duarte escolheu Lajeado há 22 anos para construir sua jornada empreendedora. (Foto: J. J. Silva)
Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Empreender por vezes é fruto de planejamento, por outras é necessidade. Além disso, ainda há o empreender como fruto da pura disposição em colaborar. Esse é o caso da Clínica Revitallis, fundada em 2005 e liderada pelo médico dermatologista Sandro Gularte Duarte, que há 22 anos, entre tantas alternativas de caminhos profissionais, escolheu o Vale do Taquari para construir sua carreira.

Natural de Canguçu, no Sul do Estado, se mudou aos 14 anos para Pelotas a fim de fazer o Ensino Médio num tradicional colégio que preparava os alunos que gostariam de seguir na área da saúde. Além de vencer a solidão da experiência numa cidade muito maior do que estava acostumado, Duarte conseguiu ingressar no curso de Medicina na Universidade Católica de Pelotas.

No sexto ano da graduação, por estar entre os 15 melhores da turma, conseguiu uma vaga no Hospital Conceição, em Porto Alegre. “Lá, aprendi meio na marra, porque tinha bastante demanda”, lembra.

A decisão por se especializar em Dermatologia aconteceu apenas no final da faculdade. Como seu currículo até então não era voltado ao tema, optou pela Medicina Familiar. “Foi uma área de trabalho que me fez crescer bastante profissional e pessoalmente, porque a gente lidava com uma população mais humilde”, conta Duarte.

Ainda assim, seu objetivo era a Dermatologia. Tanto é que chegou a fazer a prova, mas não passou da primeira vez. Contudo, surgiu a oportunidade de fazer novamente o exame na região de Gramado ou no Vale do Taquari. “Como Canguçu é meio serra, eu já tinha passado muito frio. Por isso escolhi o Vale do Taquari. Preferia passar calor que frio”, brinca.

Durante cerca de 20 dias, trabalhou em Arroio do Meio, no Posto Central e em visitas domiciliares. Porém, seu modelo de contrato exigia que ele atendesse comunidades. Isso o fez se mudar novamente, mas para Lajeado, onde começou a atuar no bairro Conservas.

Em Lajeado, conheceu sua esposa, fez amigos e, enfim, conseguiu fazer a especialização em Dermatologia. Alguns anos depois, em 2005, ao lado de colegas de natação, também profissionais ligados à saúde, teve a ideia de iniciar um negócio próprio.

“A medicina de família é uma grande área de atuação, mas a gente fica meio refém da vontade do governo da cidade. Queria ter minha liberdade, meu próprio consultório”, conta Duarte, que liderou o processo que agregou a cada ano novos profissionais e hoje conta com diversas especialidades.

Além de estar à frente da Clínica Revitallis, Duarte atende no Hospital Bruno Born (HBB) e atua como Preceptor do Ambulatório de Dermatologia da Univates, num contínuo esforço para continuar colaborando com a comunidade que o acolheu. “Se a gente é querido com os outros, os outros são queridos com a gente. Nossa profissão tem o potencial de ajudar as pessoas”, conclui.

Assista ao vídeo exclusivo:

Ouça o quadro na programação da rádio A Hora 102.9:

Acompanhe
nossas
redes sociais