Nove candidatas concorrem à corte de soberanas

MUÇUM

Nove candidatas concorrem à corte de soberanas

Final do concurso será nesta sexta-feira, 9. Rainha, primeira e segunda princesas representarão o município nos próximos dois anos

Por

Atualizado quinta-feira,
08 de Dezembro de 2022 às 20:10

Nove candidatas concorrem à corte de soberanas
Rainha Júlia Pelegrini Fortunatto (c) e princesas Martina Pelegrini Grieger e Siliandra Araldi se despedem da corte do município. Crédito: Divulgação
Muçum
Gustavo Adolfo 03

O Ginásio Municipal de Esportes será palco para os desfiles das candidatas à corte de soberanas nesta sexta-feira, 9. O evento inicia às 20h e segue com show com a Banda Destaque Nacional e DJ Kinho Souza. As escolhidas representarão o município pelos próximos dois anos e devem participar de eventos e atividades previstas no Calendário Municipal de Eventos.

As nove concorrentes já passaram por atividades de treinamento, gravação de vídeo e desfile em carro aberto, entre outras atividades. Cada etapa conta com jurados diferentes. Ao todo, são 21 avaliadores, sendo sete para sessão de fotos, mais sete na prova de vídeo e outros sete no dia do desfile. Segundo a organização, todos possuem experiência dentro das áreas avaliadas.

A corte escolhida receberá, além do título, coroa, faixas, presentes dos apoiadores e patrocinadores, premiação em dinheiro. A rainha levará R$ 3 mil e as princesas R$ 1,5 mil cada. O trio receberá também o traje oficial e de passeio. Segundo a coordenadora do concurso, Ranieri Moriggi, todas as ações previstas para estão sendo cumpridas.

“Desde o início, colocamos na mesa que o funcionamento do concurso preza pela ética e imparcialidade. Todas são vencedoras pelo simples fato de estarem colocando o seu nome ao julgamento”, afirma. Ainda segundo Ranieri, as avaliações são feitas por profissionais gabaritados, de renome nacional e que possuem vasta experiência naquilo que irão julgar. “A escolha das três comissões julgadoras é soberana. Serão premiadas as três que se sobressaíram e que estiverem mais preparadas na visão dos avaliadores”, afirma.


 

Acompanhe
nossas
redes sociais