Vereadores de Arroio do Meio pedem melhorias em ponte

Infraestrutura

Vereadores de Arroio do Meio pedem melhorias em ponte

Intervenção na estrutura depende da parceria entre os governos de Arroio do Meio e Lajeado

Por

Vereadores de Arroio do Meio pedem melhorias em ponte
Estrutura construída na década de 30 sofre com ações do tempo. Crédito: Gabriel Santos
Arroio do Meio
Gustavo Adolfo 2 - Lateral vertical - Final vertical

Madeiras e pregos soltos, estrutura danificada e necessidade de acostamento. Essas são algumas das reivindicações e relatos de motoristas que utilizam a travessia da Ponte de Ferro entre o bairro Universitário em Lajeado e a Barra da Forqueta em Arroio do Meio.

A travessia foi inaugurada em 1939, após dez anos de construção, hoje é um dos pontos turísticos da cidade devido a vista privilegiada do pôr do sol, encontro dos rios Taquari e Forqueta. O local também é utilizado por aventureiros para prática de rapel e pêndulo.

Diante das críticas, o setor de Planejamento da prefeitura afirma que realizou vistoria no local, orçamentos e a substituição de madeiras está prevista para as próximas semanas. A última intervenção feita ocorreu em outubro de 2020, quando houve o reforço nos trilhos.

O tema também pautou o discurso de vereadores de oposição. O suplente Marcelo Mugge (MDB), afirmou que o longo período sem manutenção e a alta trafegabilidade danificou a estrutura. Ele sugere que as administrações responsáveis se empenhem e resolvam isso o mais rápido possível. Outra sugestão é que seja alongado o acostamento na rua Marechal Floriano Peixoto, medida que facilitaria o estacionamento de ciclistas e automóveis.

O colega Rodrigo Kreutz (MDB) disse que esteve no local e constatou o surgimento de buracos no trecho. “As madeiras estão podres”. A sugestão é que ambas as administrações pensem em uma forma de instalar uma cobertura no local, evitando o contato da chuva com as madeiras. “Isso daria mais segurança e durabilidade. Muitos ciclistas e motoqueiros passam no local já caíram ao deslizar na estrutura.” Conforme o secretário de Planejamento, Carlos Rafael Black, o município tem ciência das condições da ponte e já encaminhou melhorias para o local, com a troca e substituição de madeiras.

 

Acompanhe
nossas
redes sociais