“Desde pequena eu idealizo esse momento”

ABRE ASPAS

“Desde pequena eu idealizo esse momento”

Por meio de um programa de intercâmbio, a lajeadense Isadora Dick Ziege, 18, vai realizar o sonho de estudar e trabalhar na Alemanha. A partir de março de 2023, ela viverá na cidade de Schorfheide, no norte do país.

Por

“Desde pequena eu idealizo esse momento”
Crédito: Arquivo Pessoal
Vale do Taquari

Como funciona o seu projeto de intercâmbio?

O programa que está me auxiliando é o AFS, uma organização intencional que dispõe de variados tipos de intercâmbio. Em março de 2023, eu embarcarei para a Alemanha, onde ficarei um ano, recebendo auxílio da instituição. Durante este tempo, vou trabalhar no Kinderland Schorfheide, um acampamento de férias para crianças, que conta com atividades como equitação, trilhas, arco e flecha, e vou morar na cidade de Schorfheide, situada ao norte da Alemanha, a 60 km da Capital Berlim. Além disso, nesse período, também irei fazer curso de alemão para me aprimorar no idioma

Como você soube dessa oportunidade?

Após o Ensino Médio eu tinha a certeza de que gostaria de realizar um intercâmbio para a Alemanha. Através de conhecidos em comum, acabei conhecendo a AFS, que, coincidentemente, estava com o processo seletivo do meu intercâmbio aberto. Passei por três fases seletivas, e, entre suas exigências, estavam uma Carta Motivacional, Currículo Europeu e uma entrevista com a representante na Alemanha. Passar nesta seleção foi muito importante para mim, pois me deu a felicidade de realizar um intercâmbio que abrange trabalho e estudos.

O que desperta o seu interesse pela Alemanha?

Grande parte da minha família é de origem alemã, então desde pequena eles me ensinaram o Dialekt Deutsch. Além disso, sempre convivi com pessoas que já realizaram intercâmbio ou até mesmo moram na Europa, assim como minha mãe, que já realizou intercâmbio como Au-Pair. Com isso, sempre esteve presente em mim a vontade de viajar e conhecer novas pessoas e culturas, e por ter um carinho enorme pela cultura alemã, decidi que a Alemanha seria meu destino inicial.

É a sua primeira vez no país?

Sim, apesar de ter parentes morando na Europa, nunca visitei o país. Confesso que estou nervosa pois nunca viajei sozinha antes, mas acredito que com o auxílio da minha família e do Programa AFS tudo ocorrerá bem.

Quais são as suas expectativas para essa viagem?

Desde pequena eu idealizo esse momento, sempre soube que queria fazer um intercâmbio e conhecer pessoas e culturas novas. Além disso, acho que, além de agregar culturalmente, esta experiência é enriquecedora para o meu desenvolvimento como pessoa. Estou feliz que irei trabalhar com coisas que gosto e que me fazem sentir perto de casa, e quem sabe, eu não continue por lá depois.

Acompanhe
nossas
redes sociais