Após 7 anos, unidade tem reforço médico

POSTO MÉDICO-LEGAL

Após 7 anos, unidade tem reforço médico

Profissional é natural de Estrela e atuava em Santa Maria. Coordenador regional confirma intenção de abrir mais uma vaga para o posto e fechar equipe com três legistas neste ano

Por

Após 7 anos, unidade tem reforço médico
Unidade em Lajeado será reformada e conta com reforço na equipe legista. Crédito: Filipe FaleiroArquivo
Lajeado
Gustavo Adolfo 1 - Lateral vertical - Final vertical

Depois de sete anos, o Posto Médico-Legal (PML) de Lajeado volta a contar com mais de um médico legista. Desde o dia 1º de julho, o servidor adicional atua na unidade do bairro Florestal. Até o fim do ano, a tendência é fechar a equipe com três designados à cidade.

Segundo o coordenador regional de Perícias de Santa Cruz do Sul e diretor substituto do Departamento de Perícias do Interior, Maiquel Santos, uma nova turma inicia o curso de formação de médicos legistas ainda este mês. A capacitação terá quatro meses de duração.

“Nossa intenção é abrir mais uma vaga para Lajeado. Então, caso tenhamos um interessado, acredito que até dezembro possamos contar com este profissional”, frisa. A demanda por um novo médico legista era bastante antiga e era motivo de cobrança por parte de entidades e agentes políticos.

Segundo Santos, três médicos legistas ainda não é o número ideal. “Mas é o mínimo para se conseguir atender, sem sobrecarga de trabalho, uma vez que são 36 municípios do Vale do Taquari atendidos”, salienta.

Hoje, os dois profissionais dividem a escala de trabalho e garantem atendimento em tempo integral. Além disso, o PML conta com três técnicos em perícia e estagiários.

O novo profissional é natural de Estrela, servidor do Instituto Geral de Perícias (IGP) desde 2017 e estava em Santa Maria. Ele pediu transferência ao Vale após abertura da vaga na unidade.

Melhorias na estrutura

O prédio atual do Posto Médico-Legal de Lajeado, construído há mais de 30 anos, encontra-se em situação precária e era alvo frequente de vandalismo, sobretudo por estar em uma área aberta próxima às câmaras mortuárias. Como resposta às reivindicações, algumas melhorias foram executadas no local.

“Instalamos grades e reforçamos a estrutura do necrotério. E agora estamos elaborando um projeto de reforma emergencial”, cita Santos. A proposta está em fase de revisão pelo Departamento de Perícias do Interior. Já a captação de recursos será feita em parceria com a Associação Lajeadense Pró-Segurança Pública (Alsepro).

Mudança na vinculação

Até o início do ano, a unidade de Lajeado era vinculada a região metropolitana. Porém, neste ano, os municípios do Vale do Taquari foram incorporados à Coordenadoria Regional de Perícias de Santa Cruz do Sul, oficializada por meio de publicação no Diário Oficial do Estado, em junho.

O anúncio da mudança de vinculação havia sido feito ainda no ano passado, durante visita da coordenadora do Departamento de Perícias do Interior, Marguet Mittmann, à câmara de vereadores de Lajeado.


Acompanhe nossas redes sociais: WhatsApp Instagram / Facebook